Impressões do 4×17 – It’s a Terrible Life, by Polly

http://img208.imageshack.us/img208/1152/spn417002.jpg

Pois bem galera, normalmente eu começo um episódio elogiando, porque na maioria das vezes eu gosto mesmo dos episódios. Alguns mais, outros menos..Mesmo aqueles que são bobagens pura e simplesmente como foram o do ursinho bipolar. Mesmo com isso, eu procuro ver algo bom nas coisas. Sempre fiz isso. Mas infelizmente pela segunda vez em toda a existência do seriado, eu me decepcionei com um episódio. Eu ainda não sei se foi porque eu sou uma chata de galocha ou se é porque ele tentou mostrar algo e eu não captei. Eu só sei que nunca senti sono vendo episódio de Supernatural, nunca senti desânimo em legendar, nunca senti tanta vontade de chorar de frustração, como eu senti vendo It’s a Terrible Life. Não vou ficar chorando sobre o leite derramado, nunca fui assim, mas não posso deixar de falar. Porque não seria correto eu falar só daqueles que eu gosto, e não explicar o porquê de não ter gostado de It’s a Terrible Life. Se bem que não sei se me farei entender, mas vou tentar..

http://img5.imageshack.us/img5/8011/spn417008.jpg

Em primeiro lugar: eu só não vou deixar esse episódio virgem no meu DVD (quando eu comprar o Box é claro rsrs) porque Jensen Ross Ackles está fenomenal mais uma vez. Ele simplesmente mais uma vez brilhou, arrasou, botou no chinelo muita gente por aí. Jensen atingiu um nível com Dean que ele simplesmente faz o que quer com o personagem, do jeito que quer e arrasa… Dean se tornou maior que Supernatural. (comecem o apedrejamento, vai lá), Supernatural hoje não vive e sobrevive mais sem Dean Winchester..Fato.

Antes que as pedras me matem: não levem pro lado pessoal e nem que sou contra Jared/Sam. Não misturem as coisas.. Pelo amor de Deus… Jared tem seu valor, Sam é mais que importante na série, mas Dean tomou uma dimensão inimaginável. Acho que nem Eric acharia isso quando criou o seriado, muito menos Jensen.
Mas Dean caiu como uma luva pro Jensen, e foi um presentaço pra ele, então ele (Jensen) deitou e rolou. E hoje está aí, Dean é Dean! E nisso eu tenho maior orgulho de ser fã dele, tanto de Dean quanto de Jensen. Bato palmas de pé pra ele, quantas vezes forem necessárias. Sem medo de ser feliz!
Voltando ao episódio. It’s a Terrible Life foi escrito por Sera Gamble e dirigido por James Conway. Sera dispensa comentários e James Conway nunca vi mais gordo, mas segundo o IMDB ele dirigiu Smallville, Charmed, Enterprise, e outros. Bagagem o cara tem, vamos ver se consegue acertar a mão nos demais episódios, portanto não vou falar dele aqui.

http://img9.imageshack.us/img9/141/spn417003.jpg

Agora Sera, convenhamos!! Eu sempre amei os episódios que ela escreveu sempre a achei de uma sensibilidade e sutileza tremenda, mas na minha modesta opinião ela errou a mão aqui. Ela tentou escrever um episódio mais leve, mais engraçado, só que infelizmente não deu certo. Sugiro que ou ela pegue uma lição com Ben Edlund ou largue de mão disso e continue escrevendo episódios como Faith, Heart, All Hell 1.
Pra mim a sensação que ficou é: “Oi? Eu não sou um executivo ou um nerd, mas e daí?”

Sera quis mostrar uma realidade diferente daquelas que os meninos viviam pra poder fazê-los acordar, só que no fim das contas ficou uma coisa de “hã?? ficou só isso?? Bastava apenas isso??”… Sinto muito, mas acho que Supernatural merecia e merece mais que um episódio “engraçadinho” pra resolver dramas importantes como o fato de que seu melhor personagem não existe mais conforme os fãs acostumaram a vê-lo.

Como todos estão cansados de saber eu não vejo Supernatural como um episódio apenas, eu procuro enxergar como uma história que vem sendo construída ao longo dos anos. E também não é segredo pra ninguém que meu personagem favorito, adorado, idolatrado é o Dean.

E não estou falando nenhuma asneira dizendo que esses dois últimos episódios foram mais centrados nele, então nada mais justo que eu centrar meus comentários nele, em Dean. Não que Sam não seja importante, eu falarei dele, só que no momento me concentro em Dean.
E como toda história tem seu foco maior nos personagens que a faz, eu não posso deixar de dizer que não gostei desse episódio justamente por isso: porque os personagens foram mal trabalhados, foram mal colocados nessa parte da história. O seriado atingiu um ponto de exigência que não cabe mais bobagens do tipo: chego e arraso, sem nenhuma explicação convincente e bem elaborada. Isso poderia agradar lá na primeira temporada, não mais aqui com tantas questões existenciais colocadas desde a segunda temporada e que explodiu em Lazarus Rising.

Se Sera tentou mostrar isso, mas de forma que ficasse mais “leve”, mais uma vez volto a dizer, ela não conseguiu. O que ela conseguiu foi mostrar dois sujeitos vivendo uma vida diferente, em que um não se encaixa, o outro aceita de bom grado, mas que acaba como qualquer outra história clichê, onde tudo se resolve no final como um passe de mágica.

Mesmo que muita gente ache que isso foi uma “sacudida” no Dean, eu não encaro dessa forma. Dean não precisa ser “sacudido”, Dean precisa se sentir forte, importante e valorizado, e não foi nem um pouco inteligente e merecido um anjo ter tido a ousadia de jogar isso na cara dele, não depois de tudo que ele já vivenciou na série.

http://img256.imageshack.us/img256/2835/spn417004.jpg

Voltemos ao episódio. O que vimos nele? Uma realidade alternativa, certo? Como já vimos tantas vezes em outros episódios como What is, como em Mystery, como em ITB. E qual a diferença de Terrible pra esses???

A ligação entre a história do seriado e o episódio em si. Faltou essa “ligação”, essa coesão. Faltou Sera mostrar de forma mais firme o porquê de tudo aquilo, faltou Sera ser mais coerente no decorrer do episódio, com a história do seriado em si. Por mais que eu estivesse achando Dean Smith lindo de morrer (ou de viver, pq era igual meu marido ali rsrsrs), por mais que eu achasse fofo Sam com aquela bolsa a tiracolo, eu não podia deixar de pensar: “ok, entendi que não são eles de verdade, mas e aí? Onde está a ligação com a história do seriado?” Que essa ligação fosse com algo qualquer que tivesse sido mostrado!! Sabe? Isso ficou confuso, irritante e entediante de ver. Não precisava levar 35 minutos pra mostrar que era um simples “toque de anjo”.. ITB também foi, e nem por isso ficou essa coisa vaga, essa coisa non sense. Foi me dando um desespero ver que tínhamos chegado quase ao final do episódio e nada de história convincente ainda, nada do meu sono ir embora (isso é grave, pq quem me conhece sabe que “sono” é uma coisa quase que inexistente na minha vida) e o sentimento de frustração crescendo junto com minha raiva.

Enfim o que vou dizer pode parecer meio unilateral, meio “possessiva” demais, mas é o que penso e acho.

http://img256.imageshack.us/img256/7616/spn417005.jpg

Esse episódio não fez jus à história do Dean. Ele não foi justo com o cara que é o coração de Supernatural. Sim porque eu falo muito isso: Sam é o cérebro da dupla, e Dean o coração. Esse episódio só fez Dean parecer mais fraco, como que confirmando as palavras ditas por Sam. Ele (o episódio) tinha tudo pra ser grandioso, teve umas sacadas ótimas de nomes, referencias e tudo, mas no decorrer coisa, algo se perdeu. Algo ficou sem justificativa, sem “ligação”.

Ficou vago e jogado como se não fosse importante. Esse episódio era pra provar que Dean era um caçador, que está no seu sangue, que ele é uma pessoa que não se acha fácil por aí, que ele é um herói, e no final das contas foi um episódio que confirmou: vc é tão idiota que precisa de alguém estranho vir lhe dar um docinho e te fazer sorrir, e isso fez de Dean de novo um fraco. Eu odiei essa forma de tratarem o Dean, de jogarem a solução de seus problemas na mão de uma pessoa que se acha no direito de julgar o que ele sente, o que ele faz e o que ele quer. Isso esbarra numa coisa que pra mim é meio complicada: destino e escolhas próprias. Isso é que todo o problema.

http://img208.imageshack.us/img208/6448/spn417006.jpg

Pra uma pessoa que lê spoiler como eu leio, esse episódio foi a coisa mais sem graça e sem emoção. Ok, podem dizer “Pra que lê spoiler? Não quer saber não leia”… Pois bem a coisa não é por aí. Eu li tudo e mais um pouco de todos os episódios, e nem por isso deixo de me surpreender quando vejo as coisas sendo mostradas na tela. Em Lazarus foi surpreendente ver que Castiel era um anjo e não demônio, em ITB foi lindo saber que a Mary era caçadora, que Dean teve uma conversa linda com ela; em Mystery foi ótimo descobrir que o Trickster era quem matava o Dean sempre, em Jus in Belo foi maravilhoso ver Lilith matando tudo, em The Kids foi muito bom saber que Ruby era um demônio, em Heaven foi surpreendente saber que Anna era um anjo. Por que estou falando isso? Pra vcs verem que pra guardar uma revelação importante não precisa de tanto esforço. Eu li spoiler de todos esses episódios e o que vi na tela me surpreendeu e emocionou depois. Se eles queriam que fosse uma surpresa, o chefe do Dean ser o anjo, que não tivessem soltado isso no primeiro spoiler que saiu desse episódio. Desde a hora que aquele homem com cara de Teletubie apareceu eu soube que ele era o anjo. Quem leu algo sobre o episódio sabia também. Então pra mim não teve graça nenhuma ele se revelar no final do episódio.

O que valeu ali mais uma vez foi a magnífica atuação do Jensen e os efeitos de iluminação. Soube-se na hora que Dean Smith tinha “morrido” e Dean Winchester estava de volta. Outra falha: e Sam?? Como é que ficou?? Só pq ele teve uns sonhos e acreditava que estava diferente, quebrou um telefone e ficou por isso mesmo?? Qual é!!

Enfim, eu tentei explicar da melhor forma possível o porquê de eu não ter gostado do episódio. Não quero que ninguém tome como verdade absoluta, até porque não sou dona dela e nem quero ser, mas é o que penso e acho. Eu vi esse episódio desse jeito, eu não gostei do que vi, eu não esperava isso. Talvez fosse uma expectativa muito grande que eu criei, mas eu não gostei do resultado que foi apresentado. Não gostei porque eu gosto muito de Supernatural pra fechar meus olhos e ver os defeitos quando eles se apresentam.

Queriam pegar mais leve depois de Head? Que fizessem algo menos “samba do crioulo doido”. O que me deixa triste é ver que é como se não tivesse acontecido nada. Como bem disse a Ce : “o q adianta escrever um ep tão grandioso como Head e depois simplesmente ignorar”. Não estou dizendo aqui que todo episódio precisa e deve ser como Head, eu não sou tola e nem tão idiota assim, mas todo episódio deveria respeitar a saga dos Winchesters.

http://img17.imageshack.us/img17/6717/spn417007.jpg

E doa a quem doer, pro Dean o fundamental é se sentir importante, é se sentir valorizado, não é esfregarem na cara dele que a única coisa pra que ele serve é ser um caçador. Ele é isso mesmo, mas ele tem que ver que acima de tudo ELE É IMPORTANTE. Esse episódio não teve elementos de ligação com a série toda, não foi uma homenagem, não foi um pipoca com cerveja, não foi nada. Ele foi jogado lá pra tentar desanuviar e ao mesmo tempo resgatar algo importante pra um personagem fundamental.

A idéia do episódio era tão boa, poderia ter sido um episódio que entraria pros tops da série, mas conseguiram mais uma vez fazer do Dean um babaca, como se ele estivesse fazendo birra pra não lutar, como se ele estivesse fazendo pirraça, como se ele só estivesse se lamentando. E então fizeram isso: vamos colocar o bebezão no meio de seus brinquedinhos, ele vai se divertir, vamos dar o doce pra ele que ele para de fazer birra e volta”…

Sinto muito isso foi um total DESRESPEITO PELO MEU DEAN!! Foi um desrespeito fazerem um anjo “uau como estou animado com a balada da vez” ir lá e devolver o docinho pro seu fantoche, com um papo mole sobre destino. Mais uma vez, me desculpem, mas Dean é mais que isso. Levaram 16 episódios pra destruir Dean e agora isso??? A reerguida de Dean tinha que ser épica, como sua existência, e não ser definida como um papinho de final de expediente!!

Não irei detalhar tanto o episódio, porque não me acho no direito de fazer isso, visto que não gostei do que vi. Mas ressalto mais uma vez a competência dos atores, Jensen e Jared..

>> Claro que Jensen mais uma vez merece outra ovação!! Ele dispensa maiores comentários! Ele além de talenClartoso, é lindo. Estava um arraso todo mauricinho, engomadinho e metrossexual… Dean Smith e Dean Winchester não tinham nada em comum, nem a voz!! E o Smith não tinha a carranca linda do Winchester!!! Não ia deixar de babar por ele.. Jamais..

Abraços e até o próximo.

Related posts

37 thoughts on “Impressões do 4×17 – It’s a Terrible Life, by Polly

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

  2. Jéssyka

    Ahh sei lá, acho q esse foi mais um daqueles pra “encher linguiça” sakas ?

    Tá certo que quando os Ghostfacers apareceram, eu rii demais, e eles falando dos Winchesters “douche bags” suhauhsuhasuhauhsuhaushuahs

    Também gostei da conversa deles no quarto, quando o Sam falava que ele sentia alguma coisa, que parecia ser no sangue dele…

    E quando o Dean chama o SAm de ‘Sammy’ ;P

    [modo dean girl on] Logo no começo, o que foi aquele close da boca do Dean ? *morri e depois um close nos olhos ? *morri again [modo dean girl off]

  3. Concordo com o Cristhian, eu tbm gostei muito do episódio e não acho que foi desrespeito pelo Dean, pra mim o anjo chefe ele quis mostrar um lado bem legal do Dean, mostrou que se Dean por qq momento pensou em ser um cara normal com um belo carro, casa, comida regrada, enfim com um padrão de vida diferente da que esta acostumado, ele não era totalmente feliz e quando ele lhe ofereceu a quantia generosa para que ele continuasse na empresa, foi um super-teste que mostrou que Dean mesmo sem ter consciência de sua posição e de sua missão, ainda continuava com o senso de caçador e alí ele mostrou que ele era “O cara”, quando a ganância não foi mais alta e ele mostrou suas verdadeiras qualidades e se alguém tinha dúvidas de que o Dean é um cara do bem, sanou sua dúvida alí, quando ele foi o homem fantástico que ele é e que tem alma de herói naturalmente…não me esqueço de Sammy que tem o equilíbrio e a sensibilidade para captar as ondas do astral e continuar tendo seus sinais, pois ele tbm foi fundamental, enfim os Winchs podem correr por vários caminhos, mas o sentimento que eles tem de curiosidade, de caça e generosidade com as pessoas continuam mesmo quando eles não têm o poder de decisão e muito menos a consciência da missão deles enquanto ” diferentes”.

  4. Elisangela

    Eu concordo com a Polly até meu coment no orkut foi um pouco parecido com o dela (não tão detalhado), mas eu não li spolier e nem achei tudo isso qdo descobri que o cara é um anjo.. Eu fiquei chateada com a forma que trataram o Dean e drama pessoal dele… Parece q deram razão pro Sam lembra num episódio que o Sam quse debocha do Sam falando do Hell.. então foi isso.. E Dean não é apenas um cacçador ele é uma pessoa e pelo jeito nem o escritores tão lembrando disso… O Dean é especial pelo um bando de coisa não só pq caça coisas e salva pessoas vários fazem isso!
    Concordo com aPolly no final Jensen deve ser ovacionado e o cara é lindo sempre seja mauricinho seja de “THE DEAN” hahah
    Mas algo eu notei com esse episódio ele ta sendo bem discutido o que é bom fas trocarem impressões

  5. Ah eu particularmente gostei do episodio =X… A unica coisa q me IRRITOU foi akela repetição da cena da impressora e do lapis apontando… Apareceu 5 vzs durante o episodio uhauhauh.. Mais fora isso axei um episodio bom ^^

  6. eu achei médio e tp….
    o pior não é isso,a audiência foi maior que o último,tinha que ser mais baixa,para parar com esses episódios enrolação! só oq falta vir mais pela frente!

  7. Eu concordo com o Cristhian, senhorita Polly! Claro que não se compara ao anterior, mas esse episódio, além de bom, foi importante, principalmente
    para o contexto. o Dean havia descorbeto que havia sido responsável pelo o início dos
    eventos que podem provocar o fim do
    mundo, deixando-o mais ferido nos seus principios ainda mais. Ele estava prestes a desitir e por isso foi preciso que o anjo Zacarias aparesse e motrar-lo que ninguém é perfeito.

  8. Ana Paula, eu gostei muito do seu
    cometário!!o Dean tem realmente a
    natureza de héroi e não existe outro homem que possa deter Lúcifer
    do que ele. Acho que ninguem se lembrou da cena em que Sam arrenbentou o telefone com uma barra de ferro desmontrando que ele
    tem tendências violentas. Ele tem
    jeito de vilão do que de héroi.

  9. cata_sn

    eu respeito mas n concordo consigo polly, achei este epi bastante engracado e interessante… e aki eu ressalto o Jared / Jared girl falando lol) quando lhe dao o material certo (sim pork eu ainda estou na mi nha k a culpa muitas vezes é de n lhe darem material para trabalhar) desculpem mas é o que eu penso… … ele arrasa e tb tava linddddddddoooo nerd, claro que o Jensen tb tava o maximo eh eh mas numa coisa concordamos seja qual for o episodio a competencia de Jared e Jensen é sempre elogiavél… beijos

  10. Putz! Que coisa, né? Eu acho que dentro de tudo isso, nós, fãs é que sobramos… Primeiro porque esse episódio pareceu tão leve quanto os da primeira temporada, quando uma caçada era uma simples caçada. Certo. Tem o seu valor. Mas as coisas mudaram e os episódios deveriam não deixar lacunas (o que Sam disse para o Dean, depois do hospital ou o que aconteceu no final desse episódio – onde foi parar o Sam?)Segundo porque tenho que admitir que todos têm suas preferências e a minha cai no Dean… Já é o incontável episódio que ele desce a níveis insuportáveis (todos os escritores fazem-no parecer burro mesmo e incapaz de ser outra coisa – tudo bem, se é caçar que ele gosta e faz melhor, mas a imagem do Dean que é entendida por mim nesses episódios, é insuportável!)
    Então ele só foi salvo porque tem uma missão, certo? Não tem outro motivo senão a necessidade e urgência. Caso contrário, nada e ninguém precisaria dele. Nem Sam não precisa dele mais…
    Apesar de achar o episódio leve e engraçado em determinadas partes, tenho que concordar com a Polly quanto à essa coisa de largar um episódio denso e intenso como o anterior e um episódio meio que inconsistente, só para que um anjo diga para o Dean que ele precisa entender que tem uma missão…
    Eu não sei até onde gosto ou não gosto realmente desse episódio. Esse sim, vou levar mais tempo para digerir. O anterior foi fichinha, porque foi um dos melhores, senão o melhor.
    Mas creio que nós temos que entender que, aos nossos olhos, ninguém vai tirar o brilho do Dean, mesmo que ‘eles’ façam dele um bonequinho. Da atuação do Jensen… Nem vou falar… Ainda estou babando pelo episódio anterior. Na verdade, desde sempre!
    Mas quero dizer uma coisa para a Polly… Eta, menina danada, você. Adoro sua coragem. Amo o jeito como você descreve e comenta os episódios. Eu nunca deixo comentário, mas hoje, fui obrigada a por em palavras o que eu tinha pipocando na mente…

  11. Não concordo não

    Ta certo que a reerguida do Dean deveria ser epica e isso me deixou chateada acho que o episódio devia ter tido um final melhor mas de resto foi até que bom

    Eu amei quando o Dean diz que o nome do pai dele é Bob da mãe é Ellen e ele tem uma irmã chamada Jo

    hsauhsauhsauhsauhsauhs

    Adorei ele dizendo que nunca tinha se divertido tanto na vida dele esses 2 até sem serem irmãos trabalham bem juntos

    Foi um bom episódio não acho que devia ter vindo depois de um episódio tão chocante como o 16 mas considerando a história foi muito legal

    Quando o Dean diz que os Ghost Facers (sei la como se escreve)eram geniais

    Rachei o bio

    hsuahsaushaushauhas

    Foi muito legal apesar de tudo

    BjOsssssss gente

  12. Assim , eu achei o episodeo bom no sentido de mostrar a vida deles se ele num fosse caçadores (mas mesmo assim foi fraco o episodeo 20 da segunda tmeporada foi muito melhor) agora usar o episodeo inteiro pra fazer o dean dizer que nasceu pra caçar fico meio que forçado , eu concordo com a polly foi um episodeo fraco mas eu gostei de ver eles caçarem o fantasma e tmabem os ghostfacers.

  13. Anonymous

    Eu gostei do episódio, achei divertido, adoro os ghostfacers. e ver O Dean dequele Jeito,foi d+, sem falar no Sam, ele tava muito fofu com aquela camisa amarela.
    Mila

  14. Polly, também discordo de você, pela segunda vez…rs. Pode me acusar de condescendente, mas acho que pega mto pesado com o Sam. Mas voltando ao episódio… Primeiro concordo com o Cristhian, apesar de odiar aqueles idiotas dos Ghostfacers, gostei deles nesse epi, se mordendo de inveja tendo que reconhecer que o pouco que sabem que é realmente sério, devem aos Winchesters. Estes dois são mto babacas, (sinceramente, odeio aquele epi centrado neles, da 3ª temporada) Achei legal mostrar como eles seriam em outro tipo de trabalho, apesar de que não fez justiça ao Dean, ele se sentir tão à vontade naquele trabalho vestido sempre de almofadinha… E discordo, não acho que o episódio desfez dele, ele está tão abalado por tudo que sofreu e, pela revelação que Alastair fez a ele, de que ele quebrou o primeiro selo, que está, ainda que momentaneamente, duvidando de si mesmo, logo, acho sim, que ele precisava de uma sacudida, assim; como sei que o Sam tb precisa, nunca neguei isso. E, por não ter lido spoiler, fiquei presa, atenta, curiosa por saber qual a razão daquela vida alternativa deles… Adorei as referências à Ellen, Jo, Bob e Madison, adorei o fato de ter sido Dean a se formar em Stanford, não Sam, mas em outros aspectos, como Dean Smith falar que só acreditava no que via à sua frente, exceto por não se lembrar de ser caçador, era o velho Dean de sempre. Nem acho que por alguns instantes, um determinado herói se sentir fraco, seja menosprezá-lo, ora, Dean é Humano, não é tipo um superman com poderes sobrehumanos, e sim; um batalhador nato, que só merece admiração e respeito, nem por isso deve ser tratado como um intocável que não possa levar uma sacudida, ou ouvir coisas que o desagradem de vez em quando. Espero que tenha me feito entender. Vc escreve e se expressa mto bem, mas desta vez discordo de vc. Até no epi 16, acho que o ponto principal, foi Castiel começar a sentir dúvida, começar a perceber, ainda que não admita, que Anna não está tão errada assim em se rebelar e, a angústia e culpa que sente por Dean ter se ferido… Mas, tb não digo isso como dona da verdade, é apenas meu ponto de vista.

  15. Michael

    Eu gostei do episódio, tipo, parecia voltando na primeira temporada! xD Principalmente do Sam quebrando o telefone, huahauah, é meu sonho fazer aquilo no meu trabalho! xD

  16. Uau…quanta gente aqui.. Fico tão feliz com isso..

    Valeu gente..

    Cris Tinha que ter uma primeira vez não é?? hehe… Eu respeito seu ponto de vista, mas eu ainda continuo achando a mesma coisa do episódio… Bjocas…

    Paulinha Eu sei que ele é um herói, que ele tem dúvidas, que ele não teria outra atitude cara íntegro.. E eu volto a afirmar: adorei a idéia do episódio desde que eu li sobre ele, o que não concordo foi como as coisas foram colocadas… Um bj querida…

    Empty..Uau, vc por aqui?? que honra!! Pois é, foi como eu disse: Dean merece mais que isso, merece mais que ser reforçada sua missão de burro de carga.. E saiba que eu tb te admiro.. Eu não fujo da raia, eu não teria porque postar algo em que não acredito ou que sinto… Obrigada pelas palavras.. Bjocas

    cata .. Eu entendo sua posição. E jamais quis menosprezar ou ofenser o Jared/Sam… Desculpe se foi isso que deu a entender no meus coments.. Bjos

    Lilly jamais pensaria que alguém é dono da verdade.. Eu sei que ninguém o é.. rsrs.. E sobre Dean ser intocável: ele não é.. Ele não pode e não deve ser..Eu como fã incondicional dele, não quero e não aceito isso. Mas também não aceito que ele seja tratato como um bonequinho sem vontades, sonhos e desejos. Que ele seja tratato como mero fantoches na mão de qualquer um, inclusive Sam. Dean tem vontades, tem sonhos, tem medos. Ele é humano e deve ser respeitado como tal. DEan não merece se encarado como um birrento que não faz as coisas só porque anjinho está dando ordem. É só isso.. No resto eu juro que eu queria muito ter tido uma outra impressão do episódio, eu tive tanta expectativa em relação a ele.. Um bj

    E galera, o que mais gosto é a democracia.. Que bom que as opiniões são diversas.. Não seria tão legal se todos pensassem iguais não é??

    Um bj e um abraço apertado a todos que deixaram comentários…

  17. Anonymous

    Gostei do episódio e concordo em parte com a Polly no que diz respeito em como as coisas foram colocadas para “resgatar Dean “. Ele realmente merecia mais do que ter levado um puxão de orelhas. Precisava apenas ouvir algumas palavras ” Você é importante, independente da missão a qual foi destinado”. E queria que a pessoa que dissesse isso fosse o Sam.

  18. O negocio é o seguinte…. Torce pra q, episodios inuteis como esse, ñ aconteçam mais!!!

    porq… se ñ…..

    O proximo episódio vai se chamar…”That way there will be no Season 5!”
    ?!?!?!

  19. em uma só palavra INÚTIL..engraçadinhu,o Dean de mauricinhu é o ó do hilário. mas foi um episódio totalmente INÚTIL,na minha opnião claro ;s

  20. Viviany Ackles

    Oi Polly, é a 1ª vez que estou postando aqui.

    Quando acabou o episódio, fiquei com um gostinho de quero mais, como se estivesse faltando algo maior, mais inteligente.

    Cheguei a postar, sobre o que os fans tinham achado do episódio para saber se só eu tinha sentido isso.

    Postei támbem, que o DEAN foi a salvação do episódio.

    Fala sério, o que era aquele homem lindo, perfeito, atuando daquele jeito e ainda com aquela cara de intelectual?

    Realmente, valeu a pena ver o DEAN tão maravilho e dar muitos suspiros e sonhar com ele a noite!

    O resto foi resto!

    O DEAN foi tudo!

  21. Anonymous

    Gostei do que a Lilly disse sobre mesmo sendo heroi acima de tudo ele é um humano e tbm pode se sentir fraco e precisar de uma sacudida.
    Em alguns momentos mesmo em outra vida ele ainda tinha uma coisa Dean, como quando ele falou que para o bem da humanidade ele dava um conselho ao Sam que ele se abria d+ e o Sam tbm tinha seu antigo Sam com ele quando ele tinha os sonhos e a torcida de boca quando Dean chamou ele de Sammy, sem comentario.
    Quanto ao Ghostfacers que eu acho super sem graça nesse episodio eu achei engraçado, eles criticarem os Winchesters e o Dean e o Sam vendo.
    Nao achei que eles tentaram fazer o Dean de bobao, na verdade achei que o superior do Castiel tentou procurar do modo dele mostrar ao Dean o quanto ele é importante principalmente na hora que ele diz que a felicidade dele é importante, mesmo tendo dito isso para o Dean Smith me pareceu bem sincero.
    Outro momento do nosso Dean Smith muito sincero foi na hora que o Sam disse que ele conhecia o Dean e sabia que aquela vida certinha nao era para ele e o Dean disse que o Sam nao conhecia ele realmente, na verdade o Sam com essa vontade de vingança esta mesmo deixando de conhecer o Dean cada vez mais.
    Agora uma coisa eu concordo com EmptySpaces11 ficaram lacunas afinal como ficaram o Dean e o Sam depois do hospital? e onde foi parar o Sam?
    Olha o Dean é meu preferido mas acho que estao deixando a desejar com o Sam e tbm acho que a culpa nao é dele, que nem no hospital! O nosso Sam de antes jamais deixaria o Dean sozinho entao o que ele foi fazer quando o Castiel estava la? saiu a pedido do Cas, saiu pra procurar um meio de ajudar o Dean a sair do hospital afinal ele poderia nao saber ainda da melhora do Dean, saiu pq queria sua “vitamina” pra ficar mais poderoso? (nao sei se deu para entender o quero dizer de onde esta o Sam) e agora nesse episodio quebrou o telefone, saiu e ai? estao deixando lacunas no personagem, eu sei que essa temporada esta focada em anjos, Dean salvo, missao do Dean, mas o Sam tbm tem uma missao e eu gostaria muito de acompanhar que lado ele caminha mais.
    Nao escrevo bem como a Polly e adoro ler os comentarios dela, mas dessa vez gostaria de falar sobre minha opiniao tbm ja que esta bom de se discutir esse episodio por ter gostos divididos.

  22. Anonymous

    Eu gostei muito do episódio!
    Ele ter sido mais leve não significa que foi menos enfático e acho que era necessário depois daquele desabafo do Dean dizendo que não era a pessoa certa para aquela missão, que não se sentia capaz… completamente frustrado e se sentindo mais culpado ainda!!
    Raquel

  23. Anônimo (que não é a Raquel rsrs).. É isso mesmo.. Todos nós temos o direito e devemos sempre expor nossa opinião.. Debates e conversas civilizadas são sempre muito proveitosas…

    Vc gostou, eu não gostei.. Você e muita gente viram de um jeito, eu vi de outro.. Uma coisa muito interessante não??

    Eu simplesmente adoro quando as pessoas expõem suas opiniões, isso faz da série e do blog um espaço muito interessante.. Muito bom isso.. Mesmo

    E sobre o Dean ser humano: é o que eu sempre quis dizer.. Ele não é um objeto pra ser tratado como mais uma coisa, ou um brinquedo que a gente dá corda e bota pra funcionar, e muito menos ele deve ser colocado com uma pessoa que não falha. Ele falha, e muito.. O que não dá pra aceitar é achar que essas falhas dele são maiores que suas qualidades.. E sinto muito, mas no final das contas esse anjo só reforçou aquilo que John sempre fez com Dean e que me dá ódio: pegue a responsabilidade e se vira, vc não faz mais que a obrigação, isso é seu dever. Vai me dizer que ser um executivo ou um mecânico é pior do que ser torturado ou torturar no inferno??

    O que muita gente esquece é que Dean tem motivos de sobra pra estar do jeito que está (eu não gosto de vê-lo assim, de jeito nenhum), e ele merecia mais que um anjo metido tratando ele como mais um fantoche.

    Pois bem, alguém, alguma vez perguntou ao Dean o que ele quer? Não, sempre só disseram a ele: vc tem que fazer, vai lá e faz, vc é responsável por isso e por aí vai..

    Acho que deveríamos nos colocar no lugar dele um pouquinho.. Só isso

    Desculpem me, mas aqui vai um desabafo…

    O que vou postar agora não é pra vc Anônimo, é pra muita gente que acha que não existe uma pessoa por trás desses textos enormes.. Pois bem, eu existo, eu tenho sentimentos, eu sou gente e humana como qualquer outro.. Eu posso estar redondamente enganada sobre tudo que eu acho certo agora. Amanhã pode estar tudo errado,e sou mulher o suficiente pra reconhecer meus erros. Então eu só peço as pessoas que parem de julgar as outras… Isso é feio e acima de tudo é desumano..

    Eu sempre soube que quando eu fosse falar sobre minhas impressões do episódio, iria surgir controvérsias e tals.. Eu gosto disso, gosto mesmo.. Eu só não gosto de acharem que sou dona da verdade, que sou uma idiota que não “analisa profundamente o recado dado no episódio”… Ofensas pessoais porque eu tenho um ponto de vista já é demais!!

    Mas ainda bem que aqui nesse espaço, não ocorreu nada disso…

    Eu e os demais que fazemos esse blog sempre adoramos quando vcs participam..É isso que nos motiva..

    Um grande abraço a todos..

  24. Anonymous

    Sinceramente! pra mim esse episódio vai ser explicado ná frente como mais uma falha dos anjos com o Dean, não acredito que isso vai ser a revolução no caso do Dean!

  25. Luisa Pate

    Eu achei o episodio necessário pra dar uma sacudida no Dean que se bem me lembro, acabou o anterior( on the head…) meio que desistindo da missao…Creio que este pisodio, embora leve, têve sua essencia e finalidade.
    So lamento que o desfecho tenha sido rapido e gratuito demais, tipo: aceitem ,porque é so isso!
    E as perguntas que ficaram no ar tb,como 😮 que “acordou” Sam deste periodo sem memoria de caçador?Será que o Zach nao deveria ter aparecido pra ele tb?
    O Dean é muito mais do que um instrumento dos Anjos pra impedir o apocalipse!

  26. Anonymous

    Polly você sabe se expressar e é firme em suas convicções. Aqui você será sempre respeitada,concordando ou não com o seu ponto de vista.Este espaço é concedido a quem quiser comentar e temos que respeitar uns aos outros e saber apreciar as suas impressões a respeito de cada episódio.

  27. Luisa Pate

    Eu concordo com a Poly no sentido de que podem estar transformando o Dean em um meio que vai impedir mais selos serem quebrados .Enquanto isto, o Sam vai “crescendo” e virando paladino nos episodios graças a aliança com a Ruby (sem que saibamos no que isto vai dar…).Quer dizer, um dá a sua vida pra salvar e o outro salva às custas de pactos obscuros.Quem é mais herói ai?

  28. Respeito a opinião de todos. De verdade. Com argumentos então, a coisa fica rica e digna de se discutir.
    Mas eu acho do fundo do meu ser que quem achou que o episódio foi enrolação não entendeu essa temporada inteirinha.
    Sinto se ofendo alguém, mas não gostar é uma coisa, não sacar as peculiaridades de uma história na minha opinião muito bem contada e interessantíssima, é outra bem diferente.
    Polly, assim que possível eu escrevo o que achei.

  29. Silvania Hudson

    Eu gostei do episódio, mas vou concordar com a Polly em alguns pontos.
    Dean acima de tudo é um homem de caráter e nunca duvidou que nasceu para aquilo.Mas o cara já enterrou amigos como ele mesmo disse, é natural que ele esteja abalado.Em nenhum momento ele realmente pensa em abandonar a luta, mas ele se cansa como qualquer pessoa.Não precisava de uma “lição”.Muito pelo contrário ele precisa de um pouco de paz para se levantar e continuar a lutar.

  30. Anonymous

    Olha vc falou uma coisa que eu nao tinha me tocado, estao fazendo com o Dean como o John fazia, faz isso, faz aquilo e nem querem saber o que ele pensa, eu tento me por no lugar do Dean sem criticar, mas quando eu falei que o anjo do modo dele tentou mostrar ao Dean que ele era importante é pq eu senti isso mesmo, pode ser que ele tenha feito isso do modo errado, afinal a gente muitas vezes tenta mostrar uma coisa e nao é bem entendido e é claro que nao tem nada pior do que o Dean passou, entendi seu ponto de vista, pra falar a verdade tem coisa que vc disse que eu realmente nao tinha percebido e fiquei pensando…
    quanto as controversias sempre vao existir afinal cada pessoa pensa de um modo diferente, ja pensou se todos pensassem igual que graça ia ter vc falar sobre o que pensa? isso nao significa que vc é dona da verdade nunca, pelo contrario serve pra mostrar muitas vezes uma coisa que no nosso ponto de vista possa estar errado e vc vai la e mostra o pq, bom nao sei se me entende. Mas uma coisa eu digo toda vez que eu vejo um episodio corro pra ver se vc comentou pq gosto das coisas que vc diz e de como vc expoe o episodio.

  31. De novo muito legal seu comentario polly =D… escreverei coisas rapidas…
    Dean e Sam
    Bom eu acho que no decorrer da serie os papeis acabaram se invertendo agora o foco está em cima do Dean (onde antes estava em cima do Sam todo aquele plano que o azazel tinha pra ele) e por isso está exigindo muito das habilidades dele como ator e concordo que ele está dando conta do recado, nao so os papeis estao se invertendo mas tambem as personalidades, agora nos vemos um Dean mais sentimental e um Sam mais durão; apesar de eu não estar certo de que gosto disso, mas pelo menos isso deu uma balanceada, porque antes eram discutidos em foruns americanos que o papel de sam era muito mais importante em supernatural que o de Dean e que a serie poderia continuar existindo se Dean morresse, Eis a prova, ambos sao importantes para a serie e ambos tem papeis fundamentais para o futuro da mesma.

    O episodio..

    Nossa, eu tambem nao coloco ele como um dos meus favoritos e nem da vontade de assistir de novo, O que os produtores tem na cabeça?? depois do episodio 4×16 – On The Head Of a Pin, onde foi um episodio ”bombastico” como dizem x], como eles puderam colocar esse episodio? e pra que mais um episodio ”como seria se eu nao fosse caçador…” aquele do episodio do genio ja foi suficiente…Passar um episodio desse depois de um anterior super bom quebra toda a tensao da historia… Achei que esse episodio tambem foi uma mistura do episodio do genio + episodio da mae jovem do dean…se mesmo nao tendo sofrido com a morte da mae em algum momento eles se deparariam com o sobrenatural mesmo porque esta na familia deles ….uma geraçao.. uma coisa que eles nao poderiam escapar vide ao passado da mae deles…

    Nao digo que o episodio é de se jogar fora, so acho que ele foi mal colocado, houveram pontos positivos, a apresentaçao do novo anjo, mostra que o que eles fazem nao so uma coisa que eles fazem por obrigaçao mas tambem uma coisa que eles sentem prazer em fazer, que é caçar..

    Uma coisa até o final da temporada eu com certeza quero….Quero ouvir o Dean dizendo ” Vamos nessa vamos tentar ou pelo menos morrer tentando evitar o apocalipse”…porque esse Dean derrotado me cansa….Mostrar a fraqueza de um heroi é errado? Claro que nao! isso torna o heroi mais forte e querido, mas eu acho que nos ja vimos muito e está na hora dele erguer a cabeça e lutar, acho que o que ele precisa e ter aquele odio que ele tinha no começo da serie, odio que se tranformava em força de vontade para eles lutarem, mas eu acho que depois que eles mataram o Azazel eles perderam o ”mojo” e eles precisam de alguma outra fonte pra recuperar…desde que o Dean ja estava condenado ao inferno ele so falava ”i’m just tired Sam” Tá bom chega tá!! lol..

    Quanto a Genevieve…
    Bom realmente ainda nao ta nada com o a primeira ruby, ela ta parecendo aquelas patricinhas abobadas, o rostinho dela e o jeito dela falar é muito angelical!! nao sei se isso foi intencional na hora da escolha ou era isso que eles queriam desde o inicio antes de contratarem a primeira ruby… so sei de uma coisa que esse rostinho nao me convence, e sinto um BOOM a frente… Acho que se for culpar a atriz, deveriam dividir a culpa entrea a atriz e os roteiristas por que os diaogos dela nao estao nem um pouco parecidos com o da primeira ruby, entao, se esta faltando aquele jeitinho da primeira ruby, acho que devem começar pelos dialogos…

    Inté

  32. ei cristhian eu tbm sabi ahauuahua
    a cara dele naum enganava

  33. Anonymous

    Gente, uma das coisas que me faz amar essa série é isso; depois que um episódio acaba, é possível refletir sobre ele diversas vezes, discussões entre fãs são ótimas(qndo são saudáveis) e levantamentos de teorias são sempre criadas. Isso é mto bom, pq um episódio pode chegar ao fim, mas ele ainda permanece em nossa mente por um bom tempo.

  34. Adri

    Eu achei o episódio meio tedioso de se assistir, e realmente com poucas coisas que fizessem a gente pensar como acontece nos outros.
    Mas teve seus pontos positivos.

    E sobre o Dean, acho que ele realmente precisa de alguem pra falar isso que o Zachariah falou pra ele, só acho que poderia ter sido algo mais emocionante.

    E agora sem falar sobre o episódio especifico, acho que o fato do Sam estar usando seus poderes para ir atrás dos demonios e etc, eu sinceramente em parte concordo muito com o jeito dele.
    Acho que se você quer limpar um lugar que ta cheio de lama, vc só vai conseguir isso se sujando de lama tbm.

  35. Anonymous

    bom sem sombra de duvida o dean é tudo de bom não importa a roupa que ele por de todo jeito ele fica lindo , iresistível,charmoso e com aquela cara de durão é uma loucura é meio dificil não se apaixonar por ele.

  36. Anonymous

    bom esse episódio foi diferente de todos,nos mostrou que se o nosso destino já esta traçado não adianta querer mudar de todo jeito teremos que passar por tudo o que esta predestinado, e o dean bem que tentou mas não pode mudar.

  37. Estava assistindo novamente as temporadas e me deparei com este episódio e da primeira vez não havia notado a brincadeira dos nomes do DEAN e do SAM que nesse episódio ficam DEAN “SMITH” e SAM “WESSON” que juntos formam “SMITH & WESSON” uma famosa “marca” de armas assim como WINCHESTER. Precisava compartilhar isso com alguém.

Leave a Comment