[Análise Hunter] Sacrifice por VickiWnxtr

Abaddon ou Metatron? Quem aparecerá como vilão principal da nona temporada?
Quem tem mais de 30 talvez tenha tido, como eu, um pouco de dificuldade em ver Metatron como um cara do mal. Curtis Armstrong é um cult dos anos 80, quando ficou conhecido por participar de “A Vingança dos Nerds”, em que fazia o Melecão, um cara que arrotava em vez de falar. Virou um clássico dos filmes escatológicos de humor fácil, para pessoas com estômago forte. Fez também o bonachão Bert Viola, do megassucesso “A Gata e o Rato”, série que deu fama a Bruce Willis e a Cybill Sheppard. O cara sempre fez comédia, então me processe quem achava óbvio que ele se viraria contra os Winchester. Pra mim foi surpresa. Uma grata surpresa.
O que não me surpreendeu de maneira nenhuma foi o show que Mark Sheppard deu nos dois últimos episódios! Eu adorei que ele tenha sido o último teste, o demônio a ser curado, porque venha como o vilão ou como mocinho humanizado – mas com valores distorcidos – ou até como um daqueles molengas supercordatos sob efeito do xarope de glucose de Dick Roman, mas VENHA! Supernatural não pode ficar sem Mark Sheppard! Os demais atores trabalham melhor em cenas com ele, ponto final. Primeiro foi o monólogo do 8.22, quando ele põe abaixo a frase da série, com um desprezo incrível por todo o trabalho dos irmãos, o trabalho em que acreditam, que começou com a morte da mãe deles e que foi responsável pela destruição de tudo o que Dean e Sam amam. Agora, a derrota do Rei do Inferno, quase curado, pronto para se regenerar se ao menos descobrir por onde começar (cena que não teria o mesmo peso se a conversa tivesse sido com Dean. Tinha mesmo que ser com o Sam, que também buscava uma cura. E Jared ARRASOU, hein! Acho que é minha nova cena favorita dele. Antes era como Lúcifer em The End). Quando eu me repito no comando do twitter do site ao postar algumas vezes “manobra de gênio” é por momentos como esses, que redimem todo e qualquer “Mannequin 3”: contrastes que nos fazem, por exemplo, ter compaixão por um demônio, ter pena de um mercenário, amar um vampiro, detestar um anjo. Todos os atores se superaram nesse finale, talvez motivados por uma temporada que Jensen definiu no fim de semana passado com a frase “Eu não mudaria uma linha”. Nem eu.
Além disso, é claro que tinha que ser o Crowley! Que graça teria curar um demoninho qualquer?
A Suelen já comentou ontem, na análise dela (adorei, Su! Tá aqui o tamanho do motivo de eu não ter comentado!), sobre os efeitos especiais. Essa temporada toda – como a sétima, na verdade –, tem mostrado o carinho do atual presidente da CW, Mark Pedowitz, por Supernatural. O orçamento para o efeitos sem dúvida aumentou e a equipe soube usar os recursos para fazer bonito. Abaddon fugindo em fumaça vermelha ficou lindo, assim como a igreja onde Crowley foi aprisionado vista à noite e obviamente os anjos caindo foram os pontos altos. Aliás, Castiel vendo o céu se iluminar como uma chuva de meteoritos foi pra mim a mais bonita. Não só pelos efeitos como porque ele, agora “sem graça”, talvez não faça ideia do que está acontecendo. Talvez sim. Anna tinha essa consciência, desde que descobriu ser um anjo. Veremos. Sei que curto muito a ideia de que, como parte do elenco fixo, Misha Collins pode ter situações excelentes como Cas humano e que a busca por sua graça seja um dos plots da temporada 2013-2014.
Muitos estão comemorando a fuga de Abaddon, por possibilitar sua volta quem sabe até como o vilão principal da nona temporada. Eu tenho a ligeira impressão de que o “terno de carne” da ruivaça (é, nós ruivas somos f*da) Alaina Huffman não possa mais ser usado, certo? E eu tenho um pouco de resistência a personagens em corpos reciclados. Acho que nem preciso dizer por que, né?
Kevin tem a chave do bunker! Isso significa que o profetinha que eu amo segue nona temporada afora! Algo aconteceu naquele bunker, é importante ressaltar. Então aquilo é mais que um QG humano, física e estruturalmente falando. O equipamento todo também funciona para o sobrenatural, ao que parece. Kevin viu. E Cas já esteve lá, ou seja, na nona temporada periga a casa dos Homens das Letras virar um clubinho, uma liga da justiça. Eu espero que o local apareça mais, porque eu amo aquele cenário.
Andei lendo gente falando que queria que o Dean tivesse “deixado” o Sam fazer o terceiro teste. Primeiro, ele não tem o que “deixar”, o amadurecimento que Carver tanto mencionou como sendo uma das tônicas dessa temporada veio na forma de cada um fazer suas escolhas e respeitando as do outro, apesar de discordar. Segundo: ele CUMPRIU o teste! Crowley deu indícios de que foi curado, mas a parte de Sam morrer era armação do Metatron, creio eu. Naomi disse que viu na mente do escriba que tudo o que Cas, Sam e Dean estavam fazendo era parte de um plano. Eu penso como Dean: Sam não precisava necessariamente morrer para completar os testes e, se fizesse, a essa altura quem garantiria que isso fecharia mesmo as portas do inferno? Talvez Sam só… Morresse. E quem ama Dean como eu amo sabe, e Jensen também disse, que Dean só é feliz com o irmãozinho ali, ao lado dele. Danem-se anjos e demônios! Para Dean, Sam só tem tamanho; Sam precisa ser protegido e, se Dean cresceu sendo pai e mãe do Alce, imaginem depois do que ele ouviu do pai em In My Time of Dying? E vendo o irmão perder a alma? E por vê-lo atormentado por Lúcifer? Ou ver Sam finalmente fazer as pazes com o fato de que é humano, que sendo puro ou impuro, não há como esperar dele e de quase ninguém a abnegação e a entrega total de Dean. “Deixe estar, irmãozinho. Só liberte. Deixe. A gente vai dar um jeito, como sempre deu.” Aquele abraço apertado e Dean tomando as mãos do caçulinha nas suas e Sam se curando. Isso foi messiânico. Dean faz milagres, afinal. Eu vou chorar de novo.
Isso me lembra outro comentário que li por aí, que foi mancada Dean estar longe, deixando Sam sozinho com Crowley. Dean tinha que ser quem descobre a verdade, pois não acreditaria se ouvisse por outra pessoa que Naomi (já vai tarde) teve um ataque de boa moça e procurou Castiel para alertá-lo. Além de ser claro que ele jamais teria deixado Sam agir como quisesse se estivesse na tal igreja junto com seu irmão. Sam precisava se confessar e ter suas descobertas por si só.
Apesar do desfecho bonito, esses finais “eu já sabia que a emissora ia nos manter no ar” me dão uma pontinha de desgosto. Se formos analisar para além da emoção e da beleza, da nossa paixão e do “broment”, nada efetivamente aconteceu. Foi o gancho dos ganchos! Os portões não se fecharam nem no Céu e nem no Inferno, não sabemos pra onde foi Abaddon, não sabemos se o novo Rei da Cocada Preta é Metatron, Sam ainda pode estar seriamente ferido. Cas perdeu sua graça e se lembrará disso ou volta disposto a finalmente trocar de roupa? Quem se habilita a dar um sobrenome pra ele? E acima de tudo, como encaixar Bobby nesse arco, porque se o dono do ferro velho não voltar eu como a orelha do Carver, depois de cobri-lo de beijos pelo que foi, pra mim, a segunda melhor temporada da série até hoje.

Amanhã tem mais um membro da equipe postando sua análise!
Leu a da Suelen ontem? Ta aqui!

Related posts

54 thoughts on “[Análise Hunter] Sacrifice por VickiWnxtr

  1. Ruivinha querida do meu coração loiro kkkkk adoro as tuas analises, elas fazem com que eu perceba coisas que naõ tinha antes… kkk

    E concordo com vc eu quero o Sr. Bobby Singer (não original kkk) de volta a serie…

    Amei o episódio, e como vc chorei feito um bebê na hora do abraço, e quero alguem AINDA ficar cobrando a razão pela qual o Sam não foi procurar o Dean… assista a ultima cena e vc terá a tua resposta…

    Bjs ruiva e parabens…

    Cla ;}

    1. Obrigada, Cla! To indo lá ler a sua agora!

  2. Gi

    Assim como a Season Finale não mudo nada do que vc escreveu… Parabéns Vickiii!!!

    1. Obrigada, Gi! Valeu mesmo por escrever!

  3. Lucas de Oliveira

    Lembram do episódio 5X04(The End)? Pois é, ainda acho que tudo aquilo que Dean presenciou vai acontecer.

    1. Oi, Lucas! Obrigada por escrever! Eu acho que não. Vi gente comentando isso, mas a realidade de The End foi um universo alternativo. Os Winchester evitaram o apocalipse e Sam jamais diria sim para Lúcifer agora, não depois do 8.23. Além disso, no tempo da série, estávamos em 2014 nessa temporada. Beijo!

  4. Se o Deam não vai com castiel talvez o sammy ja estaria morto, porque o Deam ja mais não descobriria do sacrificio do seu querido Sammy.

    1. Exato! Se Dean não fosse com Castiel, não teria ouvido o que Naomi disse. Como eu comentei, Dean nunca teria confiado em ninguém que não seus próprios ouvidos com uma informação dessa. Valeu por comentar!

  5. Na verdade pra mim ,temporada mostro tudo aquilo que agente precisa ver ,quem diria que Dean logo ele iria ser amigo de um vampiro ,e que Sam nao procuraria por dean ? Essa temporada pra muitos e pra mim foi a melhor em teoria de cenario ,cenas ,fotos ,em todos os aspctos recepitivos .O que esperamos da 9temporada mas o que mas podemos espera dos nossos CAÇADORES .

    1. Meus heróis! Nos Winchester a gente confia! Valeu por escrever!

  6. Só eu não vejo Metatron como “cara mau”? Não acho que a morte daquele que realiza os testes seja armação dele, é mais como um efeito colateral que faz todo sentido do mundo tendo em mente que a cada teste concluído o Sam ia piorando cada vez mais.
    Metatron foi o anjo que foi mais anjo na série até agora. Ele aconselhou Dean, disse pra ele pesar se valia a pena ou não fechar os portões do inferno, pra ele avaliar se o mundo após isso seria o que eles buscavam. Ele deu aos Winchester o que pensar e, ao menos com eles, cumpriu o que Deus sempre quis dos anjos, que eles cuidassem do que Ele havia criado. Ele não se postou contra o livre arbítrio, não tentou mata-los e ainda salvou Kevin do Crowley.
    Metatron só foi um vilão mesmo pros anjos. E vá lá, talvez nem de pra chama-lo disso. Ele queria vingança contra aqueles que o forçaram a sair do seu lar, que queriam modificar aquilo tudo que seu pai criou. Ele querer se vingar não faz dele um vilão nem mesmo um “cara mau”.

    1. Edna

      Rafa concordo contigo!

    2. Gustavo

      Metatron é o tipico vilão com pensamentos heroicos.algo desse tipo.

    3. Se ficou provado que tudo o que Metatron fez foi parte de um plano para fechar o Céu e jogar os anjos na Terra, você ainda acha que ele foi… sei lá, justo? Querer vingança por um motivo egoísta não torna alguém ruim? Vc quer dizer com isso, Rafa, que os fins justificam os meios? Que se o seu fim for atingido, tanto faz a forma como vc chega lá?
      Devo confessar que isso me preocupa…
      Obrigada por escrever!

      1. Toda vingança é por motivo egoísta Vicki. A própria vingança dos Winchester contra o Azazel foi egoísta se vc olhar bem. Se fosse qualquer outra que não a Mary lá, nenhum dos Winchester caçaria o olhos amarelos com tanto empenho.
        Apesar da vingança do Metatron ser contra sua própria família, ele também faz o que faz por não gostar do que fizeram com o legado de seu Pai.
        Não é questão de “os fins justificam os meios” até pq o Metatron só se direcionou contra os anjos e pode até ser que as consequências do que ele fez atinjam os humanos, mas ainda não atingiram então ainda não da pra por na conta dele.
        E ele não fechou as portas do céu, ele expulsou os anjos. O próprio Kevin diz que o que ele conseguiu ver dos testes pra fechar as portas de lá não envolviam nefilim e etc. A em aberto ainda a possibilidade de todos eles voltarem lá pra cima.
        Eu não consigo enxergar a atitude dele como a de alguém mau, nem mesmo a morte da Naomi – que eu acho que não morreu, pq convenhamos, ela enfiava aquilo na cabeça de trocentos anjos e eles não morriam, pq ela iria? – já que ela o capturou e, por falta de palavra melhor, profanou sua mente.

        1. Pra mim continua parecendo que pra você os fins justificam os meios, Rafa.
          Heroísmo e vingança são coisas diferentes. E isso vai no fundo do motivo de a gente ser fã da série. Eu, pelo menos.
          John não procurava Azazel por ser quem matou Mary apenas. Em In My TIme of Dying, se não antes, já ficou claro que não demorou muito para ele descobrir que o ocorrido no quarto de Sam aos 6 meses foi muito mais que apenas matar Mary. E era ISSO q ele caçava.
          já Metatron afirma com todas as letras que está fazendo isso pq lhe foi tirado o direito de morar em sua casa, seguir na vidinha besta que levava no Céu.
          Pra mim, dois exemplos que situam bem a diferença entre herois e “vigilantes”.
          Não te tiro o direito a achar que Metatron é um cara legal que foi injustiçado, vai fundo, mas compará-lo com John e seu legado é pedir pra ser polêmico.

          1. Eu não consigo ver é onde se encaixa essa de “os fins justificam os meios” Vicki. Metatron só tirou a vida do Nefilim e da Naomi e respeitou o livre arbítrio dos Winchester. Não consigo enxergar o que de tão mal ele fez pra chegar aos seus fins pra ser taxado de cara mau

  7. Tecka

    Acredito q o bobby não volta mais. Acho q somente os anjos foram expulsos, as pessoas q morreram continuam no céu.

    1. Oi, Tecka! Obrigada por comentar! Eu não acho que o Bobby volta pq o Céu está aberto. Eu acho que ele volta porque volta. Por pressão e adoração dos fãs. E por causa de outro fator que eu não vou comentar aqui. Deixa pra lá.

      1. Fabricio

        Olá Vick gostei bastante da sua analise, pude observar bastante coisa que eu nn tinha percebido, parabéns!
        Só uma coisa, fiquei curioso qal o outro fator que vc não deve comentar que seria para o boby voltar, conte para nós shauhus

        1. Deu uma olhadinha no post de hoje, 21/5? Fica a dica! Valeu por escrever!

  8. Neide

    Bela análise tb a sua, e legal ver a opiniao de outros fãs dessa forma, vocês nos fazem ver alguns detalhes que as vezes deixamos passar despercebidos. Acredito que nao mudaria em nada tb, mais nao simpatizei mesmo com o Metatron. Ja a atuação de Jared, Jensen e Mark com certeza foi um show a parte eles foram demais. Parabéns pela análise.

    1. Obrigada, Neide! E obrigada pela opinião postada. Sim, nossos meninos nos deram mais motivo de orgulho! Todo ator tem a sua cena pra brilhar e nesse episódio todo mundo quis agarrar o seu momento e aproveitar. Beijo!

  9. Edna

    Eu quero assistir mais umas 15 vezes! Adorei. Mas concordo com a Vicky que efetivamente não aconteceu muita coisa neste episodio que fechasse algum tema. Mesmo assim foi um dos melhores episodios finais. Tbem concordo com o Rafa que disse quenao considera Metraton um vilao, acredito que ele foi muito coerente com sua funcao, por ordem na bagunca e assim mudar tudo de lugar. O que virá nesta nova tempotada? Ainda nao sei direito. So sei que a adrenalina, a ansiedade, a paixao estao de volta e a toda dentro de mim. Vou assistir toda a temporada novamente com a mesma satisfacao das cinco primeiras. E contando os dias pra chegar a nona temporada. Gracas que temos os comentarios que ajudam a suprimir a saudade, valeu galera! Bjs.

    1. Oi, Edna! Obrigada por escrever! Se depender de nós, a saudade até outubro vai ser suprida por um monte de coisas que a gente está programando. Fica de olho! Não some, não!

  10. Lule

    Vicki que análise maravilhosa, assim com a da Suelen, mas ontem tava tão emocionada que não colocava minhas emoções em ordem não consegui comentar.
    Amei que finalmente o Kevin foi pra casa dos meninos isso deveria ter sido há mais tempo. Que herança heim?!!! Eu já amava aquela casa agora amo ainda mais parece que ela tá viva!
    Li alguns comentários que Sam deveria ter completado o sacrifício. Como isso poderia ser possível? Com um inicio de temporada com algumas pessoas chateadas pela “indiferença” do Sam com relação ao Dean(pra mim isso foi uma incoerência dos roteiristas)se ele ainda completasse o sacrifício aí sim eu iria indignar-me. Como não atender àquele pedido.O Dean tava implorando se abrindo e ouvindo que era importante pro irmão.Como isso poderia terminar de outro jeito que não atendo ao pedido do Dean? Vivo querendo ver diálogos como aquele, abraços como aquele, carinho como aquele. Os demônios que se danem, você tem razão a felicidade do Dean é estar perto do Sammy.
    Meu desejo tornou-se realidade o final da temporada foi épico.
    Com certeza inesquecível.

    1. Como a gente é apaixonada, né, Lule? Hahahahaha! Concordo com vc. A gente é intensa nas nossas opiniões, cheias de exclamações e questionamentos. Obrigadão por escrever!

  11. Vickis!!! Amei sua análise!! e gostei muito da parte em que você disse que foi Messiânica a parte em que Dean toca nas mãos de Sam… por um minuto eu pensei: “O amor fraternal o curou” tá, bem fangirl ahahahahahaha mas foi tão forte…só que não foi né? pelo menos acho que não. Como você disse, aconteceu tanta coisa e não aconteceu nada… mas só os ganchos que ficaram já me fazem amar a season 9!
    E vamo que vamo!

    1. Ah, Su, enquanto não tivermos resposta do que houve com Sam (talvez ele só precisasse tomar um ar e os dois tinham que sair pra poder ver os anjos caindo, hehehehe), eu tenho até outubro pra curtir a ideia de que eles escolheram a família e Dean o curou. Acho que sinto fics sendo escritas sobre isso nesse momento! Obrigada por comentar, babe!

  12. ah já estou com saudades da série rsr, e amei tudo que aconteceu e q vc escreveu tb, só fiquei com pena de todos porque fizeram tantos sacrifícios pra no final não dar em nada, mas amei td.

    1. O ep ficou no gancho, mas a gente não sabe se não deu em nada, né? Parece que Crowley foi curado e não se sabe se os portões do inferno ainda podem ser fechados, mas o plano de Metatron deu certo. Apareceu mais uma coisa p atrapalhar. Mas espero que vc não sinta saudade, Vivian, porque estamos tramando um monte de coisas pra essas “férias”. Beijo e obrigada por comentar!

  13. Natan

    Otima analise Vicky.
    Eu concordo com muitos mais descordo de muitos tbm,axo q foi egoismo mesmo do Dean nao ter deichado,por que se fosse ele que tivesse fazendo os teste,e o Sam falasse um discurso pra eles e tudo,eu tenho CERTEZA que ele gritaria “LUSTRA” e falaria “Sorry brother” e fecharia tudo alie.Alie o Dean só penso nele msm,na felicidade dele com o irmaozinho.Mais achei o melhor final de todos do msm jeito.
    O negocio agora é só esperar Deus aparecer e ajudar e reclamar com todo mundo.
    Pq pfvr né,os anjos nao perderam a graça,nem os poderes,só foram “expulsos de casa” entao a terra ficaram em total caos,e se Deus nao aparecer eu vo fica chatiado com Carver’-‘
    Mais que venha a temporada e me surpreenda ;D

    1. Eu ainda tenho pra mim que Dean sacou que a morte de Sam não era necessária. Eu também entendi assim, pelo que Naomi disse. Ele só não deixou o irmão morrer. Mas cada um obviamente tem direito à sua opinião. Quanto a Deus, eu já falei: a produção está aguardando uma certa atriz chegar lá pra fazer o papel. Ainda não encontraram a pessoa perfeita! *cof cof eu cof cof*
      Obrigada por comentar!

  14. Anna Beatriz

    Parabéns pela análise, que foi bastante boa. Vou sentir falta dos cabelos ruivos de Alaina Huffman kk sdds

    1. Ela arrasou mesmo, né? Tudo bem. Acabei de comentar que logo logo haverá outra ruiva no elenco… *cof cof eu cof cof*
      Obrigada por comentar!

  15. […] AQUI para ler a análise da Suelen CLIQUE AQUI para ler a análise da […]

  16. O SAM ESTÁ LINDO NESSA FOTO.

    1. Tadinho! O Jared emagreceu, a maquiagem colaborou pra deixá-lo mais acabado, mas mesmo assim não dá pra eles serem menos que maravilhosos, né? A produção até tenta… Tac, tsc, tsc…
      Obrigada por comentar!

  17. É uma delicia ler, quem saber dizer com todas as palavras certas.
    Uma analise deliciosa, colocando todos os ponto de vista apaixonados pela serie . Como eu também amo. Adoro quando o episodio corresponde a nossos anseios, mesmo que no final a varias perguntas para serem respondidas. Mas isto que é legal deixar um gancho pra gente querer saber como vai ser a continuação. Eu adorei cada desempenho dos atores Claro Jared e Jensen arrasou e todos atores também não á como negar. Vic adorei saber seu ponto de vista , acabei te conhecendo melhor pela forma suscita como descreveu , e fique emocionada. Parabéns , adoro quando tratam com carinho os personagem . Um grande abraço . Por favor não some, faça um debate de ideias possíveis do que vai rolar na nona temporada. Oque tem em mente que vai acontecer ?

    1. Delícia foi ler seu comentário, Soniama! Obrigada! A gente defende com tanta força quando falam mal de Supernatural não pelos autores, pelo produto, pela audiência, mas porque parece que estão falando mal de Sam, Dean, Bobby, Cas. E eu adoro esses indivíduos como se os conhecesse de verdade. É, somos 7 doidos que atraem outros deliciosa,ente doidos como nós! Nem ligo se acharem que sou caso pra manicômio (Sam, interrupted! Hahahahaha)!!!
      A gente não vai sumir, não! Temos um monte de coisas preparadas pra esse hellatus, com a participação de vocês.
      Não suma você! Beijão!

  18. Mauricio

    Gostei da analise!

    Pessoal, uma coisa me deixou pensando, se for verdade o que a Naomi disse, que o Sam morria após realizar o ultimo teste, o Dean pedindo perdão igual o que o Sam fez nesse epsodio, pode curar o Crownley normalmente correto?
    Pq o padre curou aquele demonio normalmente, e ele só morreu pq mataram ele.

  19. […] aqui para ler a análise da Suelen. Clique aqui para ler a análise da Vicki. Clique aqui para ler a análise da […]

  20. Claudia Villani

    Vicky querida do meu coração, adorei sua análise. Bate bem com o que eu pensei.
    A única coisa diferente é, depois de todas as experiências pelas quais nossos queridos brothers passaram, como ainda podem ser tão ingênuos e sempre serem enganados por anjos, demônios, tranformers e tal? É impressionante demais e, agora, até o Castiel foi enganado pelo Metatron!!!!
    E agora? Castiel não vai mais lembrar que é Castiel? Sam vai morrer?
    O que me mata nos retornos é que a solução dos problemas se dá de uma forma tão simples no primeiro episódio, que é até broxante…
    Outra coisa que reparei nessa temporada, foi o retorno de antigos personagens que adoramos e amamos, a pequenininha que acho que deveria ser filha do Dean, a nerd que virou irmãzinha, a xerife Mills, Bobby (ah, Bobby)… Só faltou aparecerem a Ellen e a Jo.
    Outra coisa, se o Crowley não tivesse dado cabo da Meg, bem que poderia ser ela a ser o demônio curado né? Até que gostava daquela b***… rsrsrs
    Agora, vamos ficar nesse vazio imenso que é a nossa vida até o retorno dos nossos amados e aproveitar para rever os epi na Warner e reparar no que não havíamos visto antes…
    Aff… meu comentário ficou enoooorme! rsrsrs

    Bjs!

    1. Concordo em parte contigo, Claudia. Tem coisa que eles realmente deixam um baita gancho e depois resolvem em 5 minutos no primeiro ep da temporada seguinte. Mas eu curto a genialidade de trazer um avô com toda uma nova mitologia assim, na OITAVA temporada, transformar Trickster no anjo Gabriel em seu “próprio programa de proteção à testemunha”, tornar Mary uma caçadora de uma linhagem milenar, botar um Cupido dizendo que Mary e John são um encontro cósmico e só explicar agora… Ai, que orgulho da nossa seriezinha! De novo: reviravoltas assim compensam qualquer Red Sky, Mannequin, Men’s Best Friend… beijo e valeu por comentar!

  21. Revendo a cena final , mais uma vez,e vendo o desespero do Deam para salvar o seu irmãozinho, eu acho que ele irá fazer um pacto com o Demonio Crowlei , para salvar o Sammy, igual foi no fim da segunda temporada.

    1. Eu acho que ele não cai mais nessa…

  22. Gabriel

    Muito boa a analise vicki.. Não deixe nós esperando até outubro não em… Coloque bastante spoilers do que está por vir.. Nos deixe informado kkkkkk

    O melhor site da série supernatural é aqui! Parabéns pela análise!

    1. Pode deixar! Palavra de HUNTER! Beijo e valeu por comentar!

  23. Minha migs querida, ótima análise.. Destacou um dos meus personagens favoritos. Crowley e o que ele já fez, e o que poderá fazer a partir de agora. Ele é uma das incógnitas da proxima temporada..
    Eu só tenho que discordar de vc qto a segunda melhor temporada. hehehe.. Foi uma temporada fenomenal, foi um resgate lindo. Foi emocionante ver Dean e Sam sendo Dean e Sam. Isso foi lindo e me emociono e serei eternamente grata a Jeremy Carver por limpar a lambança que Sera Gamble com o relacionamento deles.. Mas as minhas duas melhores temporadas ainda são a quarta (primeiríssimo lugar) e segunda (que eu amo tanto porque ALI eles eram apenas dois irmãos se redescobrindo)… Mas gosto é gosto e eu respeito pacas o seu, sabe disso!
    Quanto as cenas de Dean e Sam ao final, não preciso dizer mais nada que vc não tenha dito já.. Foi simplesmente perfeita, tocante e inesquecível..
    Parabéns minha querida! Bjos.

  24. Quando começou a música Carry on, nossa, já fiquei em êxtase e chateada ao mesmo tempo, por ser aquele o último episódio! TODOS CHORA. Acho q o Crowley não vai ser curado, pois o Sam não terminou o processo… Na vdd na vdd, acho q o pessoal dessa série fuma maconha, pra alucinar e viajar desse jeito. PQP boa demais!

Leave a Comment