[ANÁLISE HUNTER] 9.04 – Slumber Party, por Vicki Wnxtr

“Pegue seus petardos e carregue seu canhão!
FOR THOSE ABOUT TO ROCK, WE SALUTE YOU!!!”

O episódio de Halloween (comemorado amanhã, 31 de outubro) da maioria das séries é bem filler mesmo, quase que destacado da série, e com o mote criado para o 9.04 poderia ter ocorrido o mesmo, não fosse a bela manobra de ligar a frase “Não há lugar como o lar” com o desajuste de Sam e o conforto de Dean com a nova casa. O que poderia ser encheção de linguiça (eu mesma esperava beeeem menos e aí, sim! Fui surpreendida novamente) encaixou-se perfeitamente no momento que os Winchester vivem, em mais de um aspecto.
O roteirista Robbie Thompson disse ontem no twitter que teve a ideia de fazer um episódio que se passasse todo dentro do bunker dos Homens das Letras após uma visita aos sets acompanhado do autor da obra, Jerry Wanek. Realmente, tendo você gostado ou não do que foi apresentado ontem em “Slumber Party” [festa do pijama], podemos concordar que esse set magnífico merecia um episódio só para si.
Como se isso não bastasse, Supernatural conseguiu (e eu adoro quando eles fazem isso) transformar uma história conhecidíssima em um braço da mitologia da série. Os hunters jamais conseguirão separar “O Mágico de Oz” dos Homens das Letras – afinal os livros são pistas para deter a Bruxa Má! E fala aí se você vai continuar vendo o Homem de Lata, o Leão e o Espantalho do mesmo jeito? Só faltou a Dorothy ruiva, mas eu nem preciso defender “as irmãs”, porque já tem muita ruiva em SPN.
Falando em Oz, eu confesso que me senti como os hunters que leio ou ouço dizerem nunca ter visto De Volta Para o Futuro, por exemplo (se você é um deles, saiba que todos os episódios que sequer citam viagem no tempo podem ser 80% mais legais depois que você assistir à trilogia dos anos 80. Um clássico!). Perdi algumas referências e tive que ir pesquisar. Apesar de ter visto Oz faz tempo, não gosto do livro/filme (mas adoro o musical “Wicked”, conta? Crowley também gosta, já que o mencionou em quase todas as suas falas! O cara aparece dois minutos e faz um trabalho memorável…)
Zeke, obrigada por dizer pro Dean que você não pode ficar ressuscitando todo mundo!!! Tudo bem, estamos falando da vida de Sam, Castiel e Charlie, mas agora deu, né? Eu comemorei o fato de Cas ser humano porque achava que as coisas estavam muito fáceis tendo ele por perto e me aparece Zeke e seus brilhantes olhinhos azuis. Espero que os milagres angelicais de cura tenham acabado de vez.
Já ouviram falar que as mulheres fazem tudo melhor que os homens… E de salto alto? Pois é… De salto alto.
Bem-vinda ao clube dos zumbis, Charlie! Não, você não vai ter que comer cérebros, mas como disse Dorothy, agora sim você é uma verdadeira hunter! Doeu quando Charlie morreu. Doeu por ela e pela expressão de Dean, que achou que estava perdendo mais uma pessoa querida, que ele havia enfiado nessa vida contra a vontade. Mais um segredo, né, Dean? (“Tá bom, eu guardo. Mas só porque você me trouxe de volta do mundo dos mortos”) Ainda bem que Charlie foi “passar uns tempos” com a Dorothy em Oz… Eu adoro a Charlie, a dinâmica dela com Sam e Dean (ela também tem uma ligação maior com o irmão mais velho, né?), as tiradas espertas, as referências pop, a inteligência (“Você pode ficar e ajudar a pessoa mais inteligente dessa sala”– aeee, Sam!) e o fato de que ontem ela estava usando camisa de flanela xadrez. Ela estava a própria caçadora!
Minhas considerações gerais:
– Yay, preto-e-branco no início! Por um momento, pensei que vovô Henry iria aparecer;
– Será que a produção de Supernatural está dando a dica de que a resposta para todo o mal do mundo são as unhas compridas? O que os monstros já fizeram com essas garrinhas é brincadeira!
– BeckyWinchester176 e Sam sem saber como agir: preciso dizer mais?
– Já perguntei e não achei explicação: qual é a da galera de sempre pegar Sam pelo pescoço?! Ele toma uma gravata em quase todo episódio!! A bruxa tinha 1,50m e dá-lhe gravata naquele grandão! Por que?
– Essa é sua voz de Batman? HAHAHAHAHAHAHAHAHA!
– “Dean, desculpe pelas bolas…” Dean protegeu o porta-joias no episódio errado! Hahahahahahahaha!
– Não achei “fora do personagem” a Bruxa Má possuir os meninos. O vilão pega o herói onde ele menos espera e eu acho interessante ser cada vez de um jeito.
– Adorei a visão de Oz! Ponto para a equipe de VFX!! Mas não curti a caracterização da Bruxa Má. A galera do make up pode fazer e já fez melhor.

Em suma, curti muito. Acabou não sendo o filler que eu esperava, eu mantenho minha fama de “careta” (nada de drogas ilícitas ou disco do Pink Floyd pra entender o episódio) e digo que esse definitivamente não entra na minha lista dos descartáveis. Engraçado, esse episódio me fez pensar em algo… muita gente vive lamentando que Supernatural deveria voltar aos tempos do “monstro da semana”. Aí a produção faz o que pedem… E chamam de filler, encheção de linguiça, episódio descartável.

Ding dong, bitches!!!

Related posts

39 thoughts on “[ANÁLISE HUNTER] 9.04 – Slumber Party, por Vicki Wnxtr

  1. Ding, dong bitches..

    Ponto para as ruivas…

    Parabens para a nossa ruiva de plantão…

    Cla;}

  2. Aeeee migs! Eu tb curti o episódio e nem achei nada de tãããão filler assim..

    Eu sempre adoro a Charlie e sua interação com os meninos, principalmente esse lado moleca dela que parece mesmo se ligar mais com Dean, talvez pq ele tb seja o mais impulsivo dos dois.. Ela e Sam tem uma ligação mais de ‘nerdices’ que tb é delicioso de ver…

    E foi bacana a ligação com outros momentos do passado de Supernatural como o fato que o seu céu é só seu e vc coloca nele o que quiser, e o lance de como cada um vê “casa, lar”…

    Sem contar que o bunker é o bunker né?

    Realmente eu gostei e tb não entra pra minha lista de descartáveis…

    Só estou detestando essa ‘dependência” de Dean em relação a Zeke pra ressuscitar todo mundo.. Colé? Isso é proposital? Sair matando todo mundo que é importante pra ele só pra vê-lo se enrolar mais nos cachos angelicais? Já não basta ele estar visivelmente numa sinuca de bico mentindo pra Sam?

    Hunf…

    Bjocas e parabéns pela análise…

    1. Obrigada, Polly! “se enrolar mais nos cachos angelicais”… Hummm, isso parece coisa de shipper. Hahahahahaha
      Então, nos fizeram essa pergunta no twitter, “p q todo mundo acaba tendo uma ligação maior com o Dean?”. No caso de Charlie, o natural seria ela se unir mais a Sam, por conta das nerdices, mas os gostos dela têm mais a ver com Dean (Sam e nerd hipster, talvez?) Dean é quem curte cosplay, por exemplo. Mas voltando às amizades, acabei respondendo que eu acho difícil ser amigo de alguém que vc sente que não quer estar ali. Sam estava sempre com um pé pra fora da porta (e eu não o censuro), mas meio mundo percebeu isso agora pq ele finalmente se encaixou na vida que ele, tanto na casa quanto na família. Agora acho que ele pode fazer mais amigos, não?
      Valeu, migs!

  3. Elton

    Qual o nome da musica no fim do episodio?

    1. For those about to rock ( we salute you ) AcDc, É demais né ? Puro rock , ESTAVA COM SAUDADES DELES

      1. Valeu, Soniama! Abri a análise com um trecho, achei que ficasse claro. Yeah, musicaço!!

  4. Cat, adorei tua análise!! Como sempre a gente concorda em 90% das opiniões dessa vez não foi diferente!!

    Eu sempre entro desconfiado pra ver episódios que a gente prevê serem fillers, todo mundo sabe! Nesse não foi diferente! Mas me surpreendi! Foi um “filler com motivo”, que foi o que eu senti falta na 8ª temporada. Começou focando no arco, o caso foi um “acidente”. Ainda teve Crowley, Zeke, discussões sobre o bunker… Pra mim, que não assisti O Mágico de Oz, beem viajado, mas é Supernatural, isso é o de menos. É o que a Polly falou no nosso chat, um episódio leve, divertido.

    E concordo com vc e com a Polly… De novo alguém morrendo pro Dean chamar o Zeke e ele salvar? Parou né?

    Na minha lista de fillers (sim, separo episódios “arco” de episodios fillers dou 8) o/

    Uau, quase escrevi minha review inteira do Universeries só num comentário hauhau

    Bjos, Cat!

    1. Obrigada, Gaaaaaaaaaaato! Pois é, a gente quer que eles sofram e penem, pq bastou ficar fácil pra gente xingar! hahahahaha
      Não deixe de colar o link aqui, pra galera ler sua análise lá!

  5. Junior

    Teve gente dizendo que esse foi um dos piores episodios, já eu achei um dos melhores !
    Sério, por mais que abordasse um tema meio “brisa”, me surpreendeu bastante como foi abordado de uma forma crível no mundo descrito pela série !
    Curti BASTANTE, e a resolução do epi com AC/DC, foi sensacional !!!!!

    1. É, Junior, cada um vai ver de um jeito, né? Às vezes um ep entra na lista dos TOP 10 de alguém e nos Piores 5 de outra pessoa. Com este deve ocorrer isso. Como eu disse, acho muito legal como os roteiristas de Supernatural trazem outros mitos, lendas e enredos pra dentro da série. Pra mim, tem que ser gênio pra fazer isso bem. Beijo e obrigada por escrever!

  6. Ana Lu

    Ameeeeeeei o episódio de cabo a rabo. Sinceramente? Meu preferido até aqui na 9a temporada. Tudo amarradinho como pede a melhor receita SPN : humor, referências pop, coerência com o passado, angst entre os irmãos, hard rock da melhor qualidade e magia.

    Espero que as pessoas que desprezam episódios filllers vejam este. Tenho certeza que não vão se arrepender.

    Tava sentindo falta dos diálogos witty, de Sam ( aleluia! ) , de mais bunker e mais MOL. Quase saciada! 🙂

    Charlie , sem abandonar sua essência Tolkien , teve sua melhor participação na série .

    Até agora, ainda não decidi o que foi mais épico: Crowley assobiando Somewhere Over The Rainbow, a porta pra A/C D/C com We Salute You ou a chave de ouro de encerramento com o ” there’s no place like home” .

    Abraços , Vicky! Adorei a análise!

    1. E verdade, AnaLu! Como deixei passar Crowley assobiando “Somewhere Over the Rainbow”! Obrigada por me lembrar e escrever! Beijo!

  7. Doces ou travessura? Vicky. Sempreeee travessura!

    Para aquele que se aproxima de Supernatural , nos saudamos !

    Yeah salute! Day witches is close, we celebrate kkkkkkk You undestand? Oh my god! kkkkk

    Em comemoração ah, não a lugar como o lar , eles mostraram o quartinho do Sammy, até que ele estava quase normalkkk
    teve sessão de cinema e pipoca , Sammy não gosta de spoleir, que chato… eu adoro ! Gente aquela cenas deles estava tão torta de maça, só faltou os pijamas , e claro os, três na cama kkkk

    Bem agora eu entendi, Zeke deu opção matar a bruxa ou devolver a vida pra Charlie . Foi tão meigo.Foi por isto que a bruxa do mal conseguiu ataca-los. Que bruxinha sem vergonha! Ainda bem!

    Os efeitos especiais estavam lindos, aquele bunker esta me saindo melhor do que a encomenda…Parece um castelo de labirintos e calabouços . Cara um computador Winchester no primeiro modelo com válvulas e fuziveis , não tem nada de lixo senhores ,quero ver agora o banheiro , tem banheira? ah e tem uma piscina lá , tenho certeza!

    ZIki fez uma apariçãozinha , e fez um grande beneficio. Coitado do Dean teve que ludibriar Sammy outra vez,e Dean ficou com a gloria no final pela ressuscitação. Serio gente que trio mas legal!
    Se precisar de ajuda Bata trés vezes os calcanhares , que estamos lá .

    E lá foi ela pra oz, com Dorothi indiana jones . E o baby agora tem garagem . E Sam e Dean tem um lar

    E vicky , esta coisa de de volta no futuro eu amo … Adorava Michael j fox Martin Mcfly. E foi bem costurado as cenas.

    Eu achei antipatico o Zeke se esquivar de ressuscitar Charlie. Zeke fodão Qualé, vc é angel kkkk Faz um milagre ai !

    E Sam estava como pinto no lixo perto de Charlie , ele realmente gosta da moça, achei muito legal, pois sempre é dean que tem todas as amizades. Quem é verdadeiro amigo confidente do Sam? Ninguém!Achei bonito eles incluir ele nesta amizade.

    Eu estou achando que se cada vez que Zeke aparecer ,e for embora Sam cair no chão , coitada da bunda no JAred.

    Eles estavam tão bem , neste episodio. e lindos ahahahaha !

    Cansei de escrever.

    Ficou otima sua analise Vicky , fica sempre mas divertido ver o episodio depois debater com as analise.

    Um beijos.

    ALém do arco iris pode ser que alguém veja em meus olhos, que eu não posso ver …

    Além do arco iris só eu sei que o amor poderá me dar tudo que eu sonhei

    um dia uma estrela vai brilhar. E o meu sonho vai virar realidade. E leve o tempo que levar eu sei que encontrarei a felicidade.

    Além do arco iris, a um lugar que eu guardo em segredo. Que só eu sei como chegar..

    Um dia esta estrela vai brilhar. E todos meus sonhos vão virar realidade, pois encontrarei a felicidade . lá na luz arco iris que vai me fazer ver que o meu verdadeiro amor realmente são vocês J… J…

    Bye bye Hunters Bjsss kkkk

    1. Eu sempre me divirto com seus comentários, Soniama! É uma colcha de retalhos, a gente vê que vc quer poder comentar tudo ao mesmo tempo, com uma excitação que a gente gostaria que o fandom todo tivesse – ainda que boa parte tenha, a julgar pelo twitter. Tipo, parece o Jared quando come doce!! Vc é um barato!
      Adorei a versão de Somewhere Over the rainbow! Tava inspirada, hein? Dei até vontade de cantar… Sim, Jensen e Jared estavam lindos nesse ep – pra variar.
      Foi mesmo lindinha a festa do pijama dos três. E os roteiristas foram super espertos, né? Fizeram a Charlie gay para não gerar raivinha no fandom. Deu certo! Charlie fica de boa na mesma cama que Dean e ninguém sequer comentou! Verdade, eu tb queria ver Sam ali, nem que fosse pela imagem mental de uma ruiva na cama com os dois. #prontofalei
      Obrigada por escrever, Sonny!

      1. Eu não posso pedi desculpa por isto , pois sou uma tremenda bocuda! kkkk literalmente sou assim mesmo kkkkk
        E meu primeiro lema, e fazer com que as pessoas envolta de mim se divirtam ,de risada. Eu mesmo dou risada de mim mesma. Acho que por isto, curto tanto Jared kkkk Ele é crazi!

        Voce devia me ver falando , eu sempre acho que todo mundo sabe do que eu estou dizendo. E o pessoal que convivi comigo diz assim:

        -Sony calma! Perai!É Muita informação ao mesmo tempo…Não entendi nada , vamos por etapa, ok ?

        kkkkk Eu digo:

        -Credo como vocês são lento! Tão precisando de pilha ai ? Raciocina baby!kkkkk

        No final da coisa , todo mundo ri , e acaba entendo meu jeito louco de ser. Trabalhar muito e curtir cada minuto da vida . Eu tenho pressa de viver!

        E continuo amando efervescente-mente Supernatural. E amo que curti também. bjsss Vicky!

        1. Mas não é pra pedir desculpas, foi um elogio! E é isso mesmo. A impressão que vc passa é exatamente essa que vc descreveu.
          Somos duas amando o Jared, então. E a torcida do Flamengo!

  8. Bruno

    A principio achei que não ia curtir o episódio, porém levei um grande tapa na cara ao ver o quão bom ele foi. Charlie como sempre perfeita em suas participações, Crowley sensacional, e o Jared ta cada vez mais mostrando que é um dos melhores atores que existe. Dean também, como sempre, foda, trazendo Game of Thrones para assistirem e falando o quanto o Joffrey é um filho da mãe hahah achava que faltava alguma referência a essa serie que eu sou fã em uma série da qual sou fã, e Sam, leia os livros, são melhores que a série kk

    Mas enfim, um ótimo episódio, essa nona temporada está me surpreendendo de mais, sabia que seria uma baita temporada devido a grandiosidade da oitava, mas não esperava que seria tão foda assim, talvez a melhor por enquanto.

    E continuem com músicas do AC/DC na série, nada melhor que uma série perfeita com uma trilha sonora perfeita.

    E por fim, Vicki, grande analise, parabéns!

    1. Obrigada, Bruno!
      Esses tapas na cara são os melhores, né?
      E sim! Game of Thrones! Junto com “sementes de girassol” (que o Jensen declarou na ChiCon que come quando está na estrada), quem não conhece esses dois produtos vai correr atrás e aposto que as vendas vão aumentar! Hehehehe! Nosso fandom tem esse poder.
      Beijão!

  9. Morganalu

    Vicki….obrigada e parabéns pelo comentário, esta semana valeu a pena ler!
    E não tenho nada a acrescentar e nem a retirar do que vc falou, sua análise está mais que perfeita!

    1. Obrigada, Morganalu! Me sinto honrada! Especialmente porque os hunters trazem tabta discussão interessante pra nós. Participe sempre! Beijo!

  10. Jeniffer

    Foi só eu que fiquei me perguntando como foi que a Bruxa má matou a Dorothy em oz e ela voltou dos mortos??

    1. Confesso que não pensei nisso, Jeniffer. Ela não diz, né? Será que essa informação pode vir a fazer diferença? Estaria Charlie em perigo? *música de suspense*
      Obrigada por escrever! Beijão!

  11. Rodrigo

    Charlie é uma graça, aliás, Felicia Day a faz assim, mas tomara que aproveite bem Oz com a sósia da Rachel Weisz e não volte tão cedo.
    Sheppard aparece pouco, mas sempre se destaca. O que foi aquela cena com a bruxa?! Curtíssima, porém hilária! Aí um exemplo de personagem bem trabalhado.
    Gostei de Ezequiel impondo limites aos pedidos de Dean. Sam corre risco e, às vezes, parece esquecer que o irmão não está completamente a salvo.
    No mais, um bom passatempo.

    PS: Quanto mais episódios se passam, nada me tira da cabeça que Ezequiel surpreenderá negativamente. Duvido que ele deixe o corpo de Sam na boa. Ou ele tomará Dean em troca de Sam ou fará deste seu receptáculo para alguma missão nada agradável.

    1. Sempre curto paca seus comentário, Rodrigo. Nem sempre concordamos, mas vc argumenta muito bem e isso é gostoso de ler.
      Sim, acho que não há hunter que não esteja com 30 pulgas atrás da orelha com Zeke. Por ora, eu escolho confiar desconfiando. Sem ele, Sam teria morrido. Por mais que haja fãs malhando Dean por ter trazido Sam de volta quando ele parecia tão certo de querer morrer pra não machucar, magoar e ferir (nada como uma palavra que significa várias de um idioma p outro, né?) mais o irmão e outras pessoas, sem Sam não há Dean e vice-versa. E eu acho que a graça de um dos aspectos mais divertidos da minha vida nesse momento tb vai morrer um pouquinho qdo Supernatural acabar.
      Crowley é sempre um prazer de ver, mas a presença dele deixa gritante um fator comum em histórias longas: os personagens coadjuvantes têm seu ápice tb no coração dos roteiristas. Ali são todos brinquedos na cabeça daquele bando de doidos e eles tb enjoam e passam pra outro. Pra mim, isso já aconteceu com vários personagens em Supernatural, alguns inclusive usados à exaustão.
      Obrigada por escrever! Beijão!

  12. Selene

    Eu não sei bem o que dizer do episódio. Tipo com certeza não foi o pior de Supernatural, isso nem de longe, e eu nem ouso dizer que foi o pior da nona, pq foi um bom episódio, mesmo filler não posso comparar com os outros (que eu gostei tanto)… Mas sei lá, acho que eu esperava mais loucura (e não sei se isso seria bom ou ruim :P)
    Ah pra resumir acho que foi um bom episódio,com umas falhas que me incomodaram, mas que não foram suficientes para tirar o prazer de assisti-lo. E tinha Charlie a única Mulher das Letras(MdL) oficial, e a única mulher q vai continuar viva em SPN por não oferecer riscos aos meninos (sinto muito Jô & Cia). Fora que foi muito fofo o Sam dizendo a frase final e olhando para o Dean, os dois sorrindo… Momento breve, e bem aproveitado. É bom ver os meninos assim, mesmo que isso não dure por muito tempo, afinal “Quem é Zeke?” e com isso marca o começo da desconfiança, fora que em 4 episódios já são 4 vezes q o Sam acorda sem saber o que tá acontecendo, e dessas 3 vezes o Dean deu a mesma desculpa… Logo o Sam vai desconfiar de estar tão mole e ser derrubado toda hora =P

    1. Obrigada pelo comentário, Selene! Vc tocou em dois pontos importantes aí: o questionamento de Sam (“Quem é Zeke?”) – que eu acho que ele só ainda não pegou pra valer pq está com a cabeça cheia com a coisa toda dos anjos fazendo bagunça na Terra, não sem influência do próprio Zeke, certamente – e uma particularidade que eu AMO em Supernatural e que muitos não dão valor: a forma como o arco de um episódio inteiro, às vezes “””””filler”””””” (sim, entre mil aspas), serve apenas ora mostrar um ponto de vista, que não raro vem com UMA frase e põe uma hora toda de falas e ação em perspectiva. Deve ser por isso que eu amo tanto “It’s a Terrible Life”, pq nele Zach põe uma hora de UM PUTA episódio em foco quando diz “Muitos nascem e morrem e a única coisa que movem é a terra usada para enterrá-los”.
      Beijão!

  13. Genteeeee!!! Eu simplesmente me apaixonei por esse episódio, cara! Tipo, ficou mt maravilhosos!!! Amei, amei, amei!!!
    Eu sempre fui apaixonada pela Charlie desde a primeira aparição dela na série e amo todos os episódios qe ela aparece, mas com certeza, esse foi de longe a melhor participação dela!!! Ao menos na minha opinião. kkkkkkkkkk’
    Concordo com vc que ela já é definitivamente uma Mulher das Letras! Ela tem td pra ser uma. É super inteligente, consegue se enfiar em td quanto é computador, adora livros… Quer mais o quê? kkkkkkkkkk’

    Eu amo a interação dela com Dean… é mt lindo de ver o carinho q um tem pelo outro. Ela é realmente como se fosse a irmãzinha caçula dele e ela vê nele um porto seguro, se podemos assim dzr. É mt bacana essa dinâmica entre os dois. E fora a nerdice que ela compartilha com o Sam. kkkkkkkkkk’

    Falando em Sam… já tava na hr dele começar a questionar… creio que isso ainda vai dar mt manga pra ser chupada. kkkkkkkkkkkkkk’
    Eita, Dean… vc tá cavando um buraco cada vez mais fundo rapaz…
    Pelo amor de Deus, honey. Não se meta em mais encrenca do que vc já costuma se meter, pq eu sofro junto com vc. :'(

    Eu poderia escrever mais, mas tenho que ir dormir. kkkkkkkkkk’
    Adorei sua análise, Vicki! Mt obrigada por ser uma hunter tão perfect a qual eu realmente me identifico mt. ^^
    Bjos!

    1. Ai, que honra, Andressa! Legal saber que alguém fica feliz em se identificar com essa doida aqui! Hehehehe
      Adorei seu comentário! Sim, Dean e Charlie têm uma relação deliciosa, daquelas que a gente só tem com amigos de verdade do sexo oposto, em que não entram meias palavras, insinuações e máscaras pq não tem a tal da tensão sexual. Eu simplesmente AMO o fato de ela ser gay. Bela manobra dos roteiristas, pra não ter ciuminho besta do fandom. Meu ep favorito com Charlie ainda é LARP, apesar de eu amar D&D Tattoo. Felicia tem uma energia ótima e pra mim é sempre bem-vinda. Agora ela foi se dar bem em Oz. Hehehe! Quem diria, Dorothy, hein?
      Eu também sofro com Dean. O meu amorzão máximo ten escolhas difíceis nessa vidinha, né? Eu não o invejo por um segundo, ao mesmo tempo que confesso que não faria metade pelos meus irmãos de sangue… Simples assim.
      Escreva sempre!! Obrigada! Beijão!

  14. Lule

    Oi Vicki gostei muito da sua análise, tão descontraída que me divertiu muito.
    Bem pra não falar só dos meninos… De uma forma geral tô me sentindo meio estranha com relação a CHARLIE. O Dean chama pelo Zeke com o Sam lúcido (o quê o deixa com uma pulga atrás da orelha), pede pra ele ressuscitar ela correndo o risco de não ter o poder dele pra ajudar depois e aí no final ela vai pra OZ? Ela quer magia? Como num conto de fada? Eu sempre achei que ela queria aventura. Tô achando errado ou será uma pessoa a menos pra ajudar os meninos?
    De uma forma especifica “ADOREI” cada minuto dentro dessa casa maravilhosa, cada pedacinho dela que foi mostrado e sabendo que há muitos outros a serem descoberto. Só quero saber por onde aqueles carros entraram pro Baby também dormir lá com o papai.
    Ps: pra não perder o hábito – os meninos continuam demais!
    Beijos

    1. Não tem aquela porta que a Dorothy usou pra ir pra Oz? Então, vc viu que aquilo era uma espécie de Túnel secreto? Provavelmente é por lá que os carros entram. Bem, ao menos foi o que pareceu para mim… kkkkkkkkkkkkkkk’

      1. Lule

        É Andressa essa seria uma entrada bem sobrenatural além de ser a cara de Supernatural.
        Beijos.

    2. Oi, Lule! Obrigada por vir aqui de novo! Bem-vinda sempre!
      Eu acho que a Charlie vai ficar um tempinho de fora, sim. Talvez pq esteja na hora de a humanidade de Cas, os anjos caídos e Ezequiel tenham que ser colocados na frente agora. Penso que Sam não vai esquecer essa de Dean chamá-lo de Zeke, até porque deve cair a ficha dos momentos em que Dean ficou olhando com aquela cara de “isso foi ideia de quem?”, inclusive perguntando naquela hora em que Sam responde “Vc tá vendo outra pessoa aqui?”. Sam pode ser qualquer coisa, menos burrinho. O cara é um geniozinho (se é que algo naquele homi pode ser chamado de “inho”), sem contar ele acordar do nada caído no chão. Pffff…
      Bunker, bunker, bunker, eu quero morar lá! Lugar LINDO!

      1. Lule

        Eu sempre me sinto bem vinda e é um prazer pessoal ler suas análise e as suas respostas.
        Trabalhos profissionais e sociais tão me ocupando e fazendo comentar pouco mas não existe dia que eu não visite “vocês”.
        Vicki sei que tá meio fora do tempo e da análise mas gostaria de saber sobre a sua viagem eu só vi o primeiro post, você já postou mais? Será que me distrai a ponto de perder algo eu esperava tanto? Se já tiver postado me desculpe mas tô sentido a falta da continuação então não podia deixar de confessar essa minha distração.
        Beijos

        1. VickiWnxtr

          Awwwnnn, obrigada de novo!
          Não, vc não perdeu nada, não. Eu que acho que já saí do avião correndo e ainda não consegui parar pra fazer os outros posts. Ontem eu quase fiz, mas não consegui de novo. Ainda vou, pode deixar. É uma experiência linda demais pra não compartilhar.
          Beijão!

          1. Lule

            Aguardando ansiosa!!!

  15. Paul Fiore

    Hunters,hoje faz 30 anos que a Mary foi morta por Azazel…poderia ter uma homenagem a ela pelo site né!

    1. Oi, Paul, tudo bem? Ontem pelo jeito tava a equipe toda espalhada, vivendo o sabadão, mas acabei de postar algo sobre isso no twitter. Obrigada pela lembrança. Foi onde tudo começou, afinal.
      Beijão!

  16. jean

    gostei do episódio.
    obs:foi só eu que me lembrei da glinda a fada da 8 temporada quando apareceu a bruxa má? pra quem não sabe glinda é o nome da bruxa boa do sul.

    supernatural ta levando essa história de fadas muito a sério mesmo. oz faz parte do mundo das fadas
    gostei.

    eu só queria ver mais de oz

Leave a Comment