[Análise Hunter] “LOTUS”, por ShiryuForever94

Para quem não me conhece, eu sou uma dessas muitas fãs alucinadas por Supernatural. Costumo ver tudo que é episódio, tenho preferências, mas não suporto ship war nem guerrinha de egos no fandom, por isso costumo ser criticada, chamada de chata e por aí vai. Normal, não é mesmo? Enfim, fui incumbida pela Vicki a fazer uma análise hunter do episódio 12×08 o que me deixou muito feliz e muito preocupada, porque eu não sou exatamente uma expert como as pessoas lindas do SPN is Life, mas sou fã, então talvez sirva. Vamos lá? E, por favor, ameaças de morte, peguem uma senha. LOL

Confesso que não esperava lá grande coisa do episódio porque tenho mantido minhas expectativas baixas depois do balde de água fria que foi o episódio 12×02 após uma ótima season premiere.

Pela introdução, vamos ter algo com os Homens das Letras Britânicos. Temos o tradicional recap com a história de Vince Vincente e outros pequenos detalhes. Nada muito diferente do que estamos habituados.

LOTUS seria piada com POTUS? LOL (para quem não sabe, Potus é President of the United States*) Eu já deveria ter imaginado. E não, não vi os trailers, nem os sneak peeks antes do episódio.

Sinceramente, apreciei o momento de volta ao delicioso horror de Supernatural quando vemos um padre, que depois descobriremos ser um O Arcebispo de Saint Louis, virar os crucifixos de ponta cabeça numa cena totalmente SENSACIONAL, sem falar na trilha sonora ao estilo de Damien, a Profecia! Eu gosto da pegada terror em Supernatural!

Ah, os agentes. Eu senti muita falta disso em alguns episódios e confesso que estou amando a interação Sam e Dean pura, ou seja, Castiel e Crowley funcionando como apoio e como alívio cômico algumas vezes. O talento de Mark Sheppard e de Misha Collins não pode ser ignorado, dois grandes atores que funcionam muito bem juntos e realmente tenho que opinar ser uma boa escolha de história juntar ambos na caçada à Lúcifer e deixar os Winchesters mais livres para histórias/plots solo.

Vemos, também, uma interessante explicação de Crowley sobre a escolha de receptáculos (eu odeio o nome casca, me desculpem) de Lúcifer. Ele não os está escolhendo aleatoriamente, mas num crescendo em busca de poder. Faz sentido, ao menos para mim, Lúcifer não é qualquer um.

Eu sou detalhista e confesso que gostei muito de ver a diferença de altura dos J2 tratada tranquilamente, coisa que nem sempre ocorre. Com isso quero dizer que ficou bem evidente, em variadas cenas, que os dez centímetros de diferença estão lá e são lindos. Muitas vezes Jensen usa botas com saltos maiores e Jared usa sapatos quase “rasteiros”, para fins de enquadramento da cena, mas não tenho visto isso nos últimos episódios e creio que eles estão muito bem com isso.

A destruição promovida por Lúcifer no Arcebispado foi uma cena muito bem feita. Os cuidados com cada cena, a fotografia das cenas, o olhar vítreo da freira, o homem empalado na parede, tudo são detalhes que fazem a gente sentir a maldade de Lúcifer.

Corta para um homem num quarto enorme, aceitando algo e dizendo Aleluia. Adivinharam antes de todo mundo? LOL Diga SIM!

Não sei vocês, mas adorei a postura do ator, o riso irônico.

Temos uma cena que eu adorei! Lúcifer conversando com a alma de seu hospedeiro. Só me lembro de algo assim com Sam conversando com Lúcifer no final da 5ª temporada.

Santa ironia, Batman! O que foi Lúcifer dizendo palavras devotas sobre o homem que ele mesmo massacrou? Demais Lúcifer ter escolhido um sujeito DEVOTO! Juro que adorei a interpretação irônica e cheia de caras e bocas. O que foi a Bíblia queimando a mão do anjo caído? Nosso pai, não é mesmo, Lúcifer?

Castiel dizendo que toda a violência seria desnecessária. Sério, Castiel? Você está falando de LÚCIFER, lembra?

Lúcifer basicamente entediado com a reunião de gabinete. Fazendo piadas que o pessoal não entende. Eu gostei do ator, gente! Sinceramente! Achei até melhor que o Rick Springfield. Não me matem tá?

Quando vi a história da pequena pausa para o segurança pensei em algo entre o Presidente e a assessora, mas não pensei que Lúcifer diria que até parece que nunca fez aquilo antes e, vai saber se fez! Ele é um anjo afinal, que nem Castiel e sua ex-virgindade. Temos vários dados na cena da cama: o Presidente é viúvo, a assessora quer ser mais que uma “mistress” e a cara do ator é impagável: ele é Lúcifer e se comporta como o anjo caído, ao menos para mim. Achei a interpretação equilibrada entre ironia, planejamento e ocupação de um corpo e a amante dizendo que ele seria um ótimo pai foi genial porque a cara do Lúcifer, depois, é fantástica! Gostei disso, mesmo!

Ah, Crowley é um sujeito de muitos recursos, não é mesmo? Uma assessora do Presidente que é informante do Rei do Inferno foi sensacional. Ao mesmo tempo, foi uma solução fácil demais para que os Winchesters soubessem tudo que estava acontecendo.

Algo que me incomodou: Dean baixou as defesas do bunker, ou seja, virou literalmente casa da mãe Joana e isso é algo que eu realmente não encaro bem. A cara dos Winchesters quando Crowley revela que é o Presidente… Foi algo tipo: OMFG tamos lascadérrimos. Sam com olhar de puro pânico olhando para Dean foi ótimo!

Lúcifer sendo Lúcifer e se preparando para os Winchesters falando que são dois indivíduos mentalmente instáveis membros de uma seita que quer matá-lo porque ele é Satanás! Eu vi os maneirismos do Pellegrino em algumas caras e bocas do ator e adorei! Ah, o segurança dizendo que Satanás não existe foi demais! Pensei que tio Lu ia matar o sujeito bem ali!

Lúcifer falando em lidar com os Winchesters em família foi outro ótimo jogo de palavras.

Agora, vamos ao momento que me deixou meio revoltada. Sam, jura que você vai ligar pros MOL britânicos depois de tudo que sofreu? Jura?

Pergunta: como eles, os Winchesters, vão penetrar a segurança do POTUS? Plano B, Plano C… LOL Eu gosto dessa interação deles enquanto planejam algo.

Rowena sendo feita de idiota pelo pretenso namorado foi uma quebra de clima que até que ficou boa, mas eu realmente achei Rowena uma gritona sem noção. Desculpem. Tem horas que não gosto da personagem. A cena se salvou, para mim, pela proteção que Crowley providenciou explodindo o sujeito. Muito, mas muito a cara do Rei do Inferno. Ela dizendo que foi a coisa mais fofa que Crowley já fez por ela foi muito louco!

Corta para o presidente e a amante. Ah, se ela soubesse, não é mesmo? Algo mudou? Você nem imagina o quanto, garota!

Castiel com tremeliques. Eu pensei que era tudo menos ele sabendo que viria um Nephilim e confesso que foi uma ótima retomada de um tema que vimos há tempos, quando ele teve que matar um deles, lembram?

Seria preciso um poder imenso para isso (criar um Nephilim) tanto que somente houvera um em toda a história e Sam logo entende que foi justamente Lúcifer. A dose certa de medo na expressão de Sam. A cara de quase “tamos lascados de vez” de Dean.

Alívio cômico: “Eu não sabia que ele estava namorando!” Dean, eu te amo!

Sam sendo prático: uma namorada, amante, prostituta… Ah, Sam!

Bebê de Rosemary! Adorei tá? Só dizendo! E lá vem problema e solução tudo junto numa sequência que eu especialmente adorei. Serviço Secreto versus os Winchesters. Uma das minhas sequências preferidas de todo o episódio, especialmente porque o Castiel ficou quieto por ordem de Dean que talvez não quisessem causar problemas, mas…

Um Bentley? Jura? Imaginei que fosse algo dos MOL Britânicos na hora. E a música? Eu curti! Só que, pow, sacanagem com o Dean. Todo mundo pode usar um lançador de granadas menos ele? U___U

Todo mundo sai correndo, menos Castiel, claro. LOL Que aliás recebeu ordens diretas do sujeito! A cara de “que porra é essa” dos Winchesters, foi FANTÁSTICA! Eu quero um Mr. Ketch, alguém compra pra mim?

Só eu notei a piada com a ideia de incentivar um “yes” assim como os anjos queriam que Sam e Dean dissessem “yes” para Michael e Lúcifer?

De novo: alguém compra um Mr. Ketch pra mim? Amei o ator, a postura, a cara de fdp, tudo! *babando*

Finalmente alguém fala que Lady Bevell é exagerada! Ela é sim! E eu odiei a personagem *falo mesmo*

Mr. Ketch não tá nem aí pros Winchesters e deixa isso bem claro. É sério, eu quero mais do personagem!

Uma das coisas que eu mais gostei foi a ideia de um upgrade tecnológico para os Winchesters. As armas dos MOL britânicos me fascinam e eu AMEI aquele ovo dourado! Me senti vendo o ovo da Fênix. Hum, Winchesters sem contar quem estão perseguindo e recebendo confiança de volta do Mr. Ketch. De repente eu estou gostando mais dessa história.

Absurdamente sensacional o Crowley ir buscar a amante do Presidente que, obviamente, não quis acreditar e o que foi o “ta da” do Dean?

Eu sou uma bruxa, ele é um anjo, eu sou o Rei do Inferno.

Melhor parte, ever! O episódio foi até que bem coeso, mas essa parte foi hilária! Só melhorou quando a garota do Presidente falou “Ah, Deus” e a resposta foi… “Na verdade, ele partiu.” Castiel, meu filho. LOL

Como todo mundo ficou sério com um script assim? Me digam? Sam dizendo que eles não estavam ajudando me fez rir, desculpem!

Castiel sendo tão didático. Nada como incutir desespero numa grávida, não é mesmo? No entanto, gostei da cena. “É uma abominação” foi uma frase bem forte, mas bem usada. Divertido foi lembrar que Jensen e Jared contaram numa convenção que o fogo não apagou e que Jensen se queimou com essa cena…

Perdão total para Charles Manson, apenas um dos maiores serial killers de todos os tempos. Parabéns, Lúcifer, você é mesmo um “anjo”.

Alguém me responda qual é a fixação americana por SUV’s pretos com cara de camburão da polícia ou carro fúnebre? Confesso que achei a cena toda no motel meio sem noção. Por que os Winchesters e todos os demais (Rowena e Crowley) estariam num quarto e Castiel num armário? Por que não todos juntos? Mas enfim…

Lúcifer sendo um anjo do mal e atacando sua parceira foi ótimo, mas nada como Sam enfrentando seu pior medo, ou seja, Lúcifer. A cena ficou maravilhosa, com Sam badass mandando ver enquanto Dean ia organizando os demais para dar jeito no ente que estava no Presidente. Sam gritando vá pro inferno foi muito bom! Lúcifer deixando o corpo do hospedeiro com ajuda dos feitiços de Rowena também. Sinceramente, ótima cena!

Crowley, nada bobo, sumiu com a mãe e ficaram Castiel, Winchesters e a Kelly, a amante do Presidente. Obviamente que sobraria para os Winchesters. O melhor foi ver o alívio na face de Sam quando Dean mencionou que eles haviam pegado Lúcifer. Só que… Serviço Secreto não é brincadeira e os irmãos foram acusados de algo bem sério: tentativa de assassinato contra ninguém menos que o Presidente dos Estados Unidos da América. Ótima cena com toda pompa e circunstância.

Os olhares de Sam e Dean foram fantásticos! Sam procurando conforto no irmão e Dean tentando se manter forte.

Castiel sendo feito de idiota por Kelly não foi algo que eu gostei muito. O anjo estava guardando uma grávida de um nephilim e não prestou atenção? Fala sério!

E agora temos um grande plot: o bebê de Rosemary! Aka Lúcifer! Isso vai ser interessante… Ou não. Espero que não sumam com tudo como fizeram com o anticristo…

Nota da Vicki: Obrigada, Shi!! Adorei! Sim!!! Como eu comentei no Twitter, amei “LOTUS”! A conta de Barack Obama é @POTUS, como vc bem colocou. Michelle Obama foi lá e fez o @FLOTUS: First Lady of the US. Sensacional termos um LOTUS, certo?

CARRY ON!

Related posts

20 thoughts on “[Análise Hunter] “LOTUS”, por ShiryuForever94

  1. Thais

    Ótima análise!
    Mas ninguém reparou que o Lucifer saiu pelo ralo e o Dean percebeu isso???!
    Quando eu vi o episódio pela segunda vez (pq na primeira eu tava meio sonada) cheguei a achar que talvez até o Sam tenha percebido, não sei…
    Mas que o Dean viu é certeza, a questão é por quê ele não disse/fez nada a respeito.

  2. Andreia Pereira

    Gostei do episódio,até agora pra mim,a temporada está ótima.
    Tô bem ansiosa pelo próximo episódio.
    Quero ver como os nossos amados Dean e Sam vão fugir.
    Tomara que seja ao estilo da fuga deles na segunda temporada,quando eles fugiram vestidos com o uniforme da polícia.
    Beijos pra todos.

  3. Luisf3979

    Uma ótima analise concordo 100% com tudo que vc falou(não gosto da Rowena tmbm).Eu te entendo no caso de manter as expectativas baixas a 11 temporada quebrou meu coração como fã e aos poucos esta se concertando.Ate agora o balanço da temporada foi positivo espero que continue assim e não aconteça como na temporada anterior(que entrou em declínio depois da mid season finale..Agora uma coisa e certa se for bem trabalhado esse “O Bebê de Rosemary” pode ser um grande plot para o resto da temporada.

  4. Leonzinho

    Primeiramente, gostei da análise em sí, da forma como descreveu as coisas, embora a demora tenha feito perder um pouco o clima para discutir sobre, me fez recordar de cada detalhe do episódio.
    Eu, do contra novamente, deixei as minhas observações num bloquinho como sempre, nem vou editar, vou apenas colar, pois nada mudou desde então:
    “Lotus” paga pelos erros de seu antecessor. A audiência da série vem caindo nos últimos episódios e boa parte da culpa da midseason finale ter uma audiência menor que o episódio anterior, foi da expectativa que ele nos deixou.

    Não foi um episódio horrível, “Lotus” foi até melhor que o anterior, mas trouxe um desfecho previsível da forma que eu menos gosto. A escolha do caminho fácil. Mas Lúcifer foi devolvido pra jaula, então foi meio que “escrever certo por linhas tortas”.

    E eu peço desculpas, percebi que muitos discordaram quando disse que “Rock Never Dies” foi um episódio ruim. Continuo achando que foi, mas entendo o ponto de vista de cada um que eu li os comentários. Afinal, não há nada mais bonito que a liberdade de expor suas opiniões, desde que não ofenda ninguém. #respeitinho

    Na outra ponta do barbante, “Lotus” mantêm uma coisa que eu não gosto. Essa coisa de olhos brilhantes no Lúcifer (exclusivo dessa temporada). Aquela coisa das cruzes se invertendo e tals… achei meio que forçado. A mão queimando sobre a biblia… incoerente. São essas pequenas coisas que impedem de dizer que o episódio foi bom. E ainda fiquei um pouco decepcionado pelo Bunk não soar com a criação do Nefilim. Esse tipo de coisa que faz falta para impressionar, como Quando Billie entrou, ou Amara entrou, ou os Anjos caíram… Mas isso é muito particular meu! rs

    Mr. Ketch apareceu e me trouxe mais decepção. Como assim os HdL Britânicos não sabem de Lúcifer? Foi eu que entendi errado? Porque eles sabem de tudo da vida dos meninos, mas não desse detalhe? E o que foi aquela “exibição” de apetrechos? Pior, o que foi Sam ligando pro Mick?
    Nada fazia sentido… nada mesmo… e vindo dos roteirista que veio, não esperava nada menos.

    Castiel foi outro que foi inutilizado durante todo o episódio. Prova disso foi o fato de simplesmente ele não ter conseguido sair do carro pra brigar. Pior que isso, ele sequer ter esbanjado qualquer sinal de um anjo e se render a alguns homens com armas. Sério? Sério que Castiel não pode nem mais se teleportar pra outro comodo? Sério que ele não serve nem de babá? Isso eu perdoo, porque ele nunca serviu. Mas foi de mais pra mim.

    Toda parte de Lúcifer foi irrelevante pra mim, até o momento em que ele demonstrou interesse na ideia de um filho.
    Não que eu não tenha achado promissor, mas já temos o anticristo na história. Melhor que lúcifer querer um filho não seria seguir seu roteiro e tentar persuadí-lo? Ok, essa eu aceito sem problemas. Até porque esse Nephilim deve crescer rápido e assumir forma adulta logo logo pra dar problema pros meninos. Quem sabe em Supernatural o Anticristo não venha pra ajudar contra o filho do Demo? Teorias a parte, o episódio se encerra uma uma tentativa meio que fracassada de envolver os meninos numa situação complicada e nos deixar apreensivos para a parte seguinte da temporada. Da ultima vez que eles estiveram numa prisão, morreu todo mundo na delegacia, fikadik.

    Antes, porém, tivemos o “enjaulamento” de Lúcifer, numa bonita cena com efeitos e tal, mas como eu disse lá em cima, foi uma saída fácil do roteiro que acabou por perder seu brilho e fazer a empolgação, literalmente, escoar pelo ralo.

    E assim uma das midseason finale que menos me deixou empolgado para o ciclo seguinte, aparentemente fecha algumas tramas e abre espaços para outras. Vamos ver o que janeiro nos aguarda!!!

    1. Cris

      Leonzinho, sendo bem sincera, eu deveria rever o episódio antes de comentar qualquer coisa. Ta meio corrido por aqui e ainda não tive tempo. MAS QUEM AGUENTA!! rsrsrsrs
      Então seri bem breve, e só dar a minha opinião mesmo, a respeito de Lucifer. Tá, acabei de dizer que preciso rever o episodio, então posso escrever uma baita besteira aqui, mas vá la: eu to é achando que não enjaularam o moço não; to mais pra acreditar que dessa vez ele foi mais esperto e arrumou uma casca nova antes mesmo de deixar o presidente. To falando daquele agente do FBI que levou os meninos presos. Acho que naquela conversa deles antes, deve ter havido uma especie de “sim” involuntário como aconteceu com o presidente. Sei lá, acho que penso 9isso por conta do jeito que ele olhou pros rapazes…
      Bom, mais vou rever o episodio, hoje ainda se der tempo, e ver o que acho então.
      Ps: tambem gostei mais desse que o anterior.

      1. Débora Lopes

        Oi gente!! Vou avisando que ando num descompasso só, entre imaginação e realidade. Então, até comentei com a Cris, minha imaginação “fértil” renderia, modéstia a parte, outro episódio. Mas… sobre o que assistimos, eu concordo com a Cris: acredito que Lúcifer não escorreu pelo ralo. Até achei que o destino dele seria aquele “ovo de páscoa”. Não foi!! então… janeiro venha logo, please. Leonzinho, concordo com você, se tem algo que rola aqui nesse espaço é: #respeitinho. Afinal, o que nos une é o amor por Supernatural (sem ser piegas), mas é isso mesmo.Não tem porque não respeitar a opinião do outro. Na minha, simples e modesta, eu continuo gostando da temporada.Gostei muito do quarto e do sexto episódio, talvez pela pegada dos episódios das primeiras temporadas. Nesse último: se tem alguém que não está feliz com a presença de Lúcifer é o Sam. O olhar dele no episódio passado, me fez pensar que ele tomaria uma atitude desesperada. Então… ligar para os britânicos, foi na minha opinião, reflexo disso – desespero.Isso não quer dizer que eu confio neles.Não. E também não esqueci as atrocidades da chaToni. E Mr.Ketch, pode ter certeza: ele não está na minha lista de presentes de natal. Resumindo: não perdi o animo pelo seriado. Temos muitos pontos que podem render muito na continuação dessa temporada. Vê-los presos e separados, será interessante. Acredito que Mary terá papel fundamental nesse resgate. As meninas já publicaram uma reportagem a respeito. Acho que ela agora já teve o seu “tempinho” e vai voltar com tudo.Assim hunters queridos, mais um ano e fé renovada para 2017. Eu já disse que o conhecimento de causa, nos torna exigentes. Ser exigente, querer o melhor é algo muito bom, nos faz crescer. Mas, por outro lado, deixar de aproveitar, de se emocionar, de curtir o que o seriado nos proporciona, é bobagem. Tem sempre algo que nos faz feliz. E Supernatural, continua me fazendo feliz. E “conversar” com vocês também!! Shi (tô copiando da nota da Vicki), gostei da sua análise detalhada. Tem alguém que conheço, que é detalhista também!! No caso, EU!! KKKKKK. Beijos
        Nota:- Cris… qualquer hora eu conto o episódio que eu imaginei!! beijos!!

      2. Leonzinho

        Olha Cris, eu ficaria mega revoltado se o feitiço de Rowena não tiver funcionado. Um dos poucos motivos de ela está na série é o fato de ela ser “a única capaz de aprisionar Lúcifer”. Sem o anel da Morte, além de exigir sacrifício, abrir a Jaula de outra forma seria um erro imenso da série, porque seria uma 4ª forma de se abrir algo que não deveria ser aberto. Claro que seria uma deixa pra volta de Miguel, mas depois do plot da escuridão não vejo mais onde possa encaixá-lo.
        Por hora, vou preferir não cogitar a possibilidade da “escorrida pelo ralo” ter sido de fato, pelo ralo. rsrsrs
        Debora, pra mim Sam ligar pro Mick foi inaceitável. Não dá, é duro de engolir… mesmo sob ameaça de Lúcifer não dá! :/
        Entretanto, devo admitir que essa semana estive maratonando algumas temporadas da série (até mesmo a 6ª e 7ª hahaha) e os episódios dessa atual e me peguei rindo feito um bobo pelo fato de mesmo achando essa temporada ruim eu não conseguir deixar de amar (e nem quero) nem um porquititinho da série. É de fato um amor incondicional hahaha. E isso até me fez ver as coisas com outros olhos. Por ora, vou passar a me basear nos episódio 1, 3, 4 e 6 pra traçar expectativas e teorias para o próximo ano. Então, “Keep Calm and Carry On” hahahaha
        Vejo vocês em 2017!!! Beijos e Boas Festas!

        1. Débora Lopes

          Leonzinho, gostei de ver ou “ler”, isso mesmo!! Não desista. Eu entendo sua reação, de verdade, entendo mesmo.E o legal, é que isso demonstra o quanto Supernatural continua importante prá você.Prá nós! E com certeza entre altos e baixos estaremos por aqui em 2017, se Deus quiser. Sam e Dean merecem!! Boas Festas prá você também!! abraços!!

    2. Ana Celia Gomes pedroso

      Concordo totalmente com você!Houve muita invenção de coisas desnecessárias, como as cruzes se invertendo, a mão queimando sobre a bíblia e por que, justo agora, os olhos de Lúcifer ficam vermelhos? Não gostei do episodio anterior e esse também não me convenceu!

  5. Andréia Pereira

    Débora querida concordo plenamente com o que vc disse sobre ser exigente.
    Euzinha aqui tbm já fui vítima das minhas exigências,mas me corrigi,porque pra mim o que interessa é o AMOR INCONDICIONAL que tenho por essa série,que como eu já disse algumas vezes,me fez infeliz com alguns rumos não muito bem tomados,mas na sua imensa maioria do tempo,me faz muito feliz e isso já tem 10 anos.
    É uma pena pra mim que só tenha conhecido esse espaço democrático dos fãs se Supernatural esse ano,mas tudo bem,mais antes tarde do que nunca.
    Feliz Natal e um bom final de ano pra todos,abraços.

    1. Cris

      O maravilhoso desse espaço é que lá no fundo, a gente não tem muito o que discordar. Temos pontos de vista diferentes, preferencia por um ou outro rumo no plot, uma teoria doida aqui, outra ali, mas o amor à série prevalece! E o que é ainda melhor: nosso respeito mútuo aqui nesse espaço.
      Débora, Leonzinho, Andréia, na verdade somos todos doidos apaixonados por essa série.Isso faz nossa imaginação dar pinotes! Conseguimos ver o ponto de vista do outro e às vezes até mudar o nosso. Esse tipo de coisa não tem o que pague!
      Lucifer” indo pelo ralo” ou não, venha logo janeiro e acalme nossa curiosidade!

      1. Débora Lopes

        Eita Cris, olha a gente se encontrando, até parece que foi com hora marcada!! kkkkk. Verdade seja dita, realmente somos ” doidos apaixonados” por essa série.Sem vergonha nenhuma!! Que o tempo “escorra pelo ralo” e que janeiro chegue nos trazendo além de boas novas para 2017, muitos bons roteiros que nos rendam muitas conversas, ansiedade, unhas roídas, mas acima de tudo, que nos conserve nesse amor lindo e incondicional por Supernatural. Muitos abraços ao estilo Sam e Dean!! Boas Festas!!

        1. Cris

          Boas festas pra voce tambem! E vê se deixa um pouquinho de unha pra roer durante os proximos episodios!rsrsrsrs
          Eu daqui vou tentar fazer o mesmo.
          Abraço winchester!!

    2. Débora Lopes

      Oi Andréia! Também curto muito este espaço. Também não faz muito tempo que eu descobri este cantinho. Você já visitou os post mais antigos? Eu já li, acho que tudo e já torrei a paciência das meninas prá juntar tudo num livro, que seria maravilhoso. Do mais, vamos partilhar nosso amor incondicional por Sam e Dean, durante todo 2017, se Deus quiser!! Boas Festas e abraços!!

  6. Andréia Pereira

    Sim Débora,já li os mais antigos e foi através de um deles,da Vicky fazendo uma defesa da série do ataque daqueles que ficam com aquele bendito papo de que “deveria ter terminado na quinta temporada”que achei o meu lugar.
    Tudo o que ela colocou naquele post foi o que sempre achei a respeito daquele recomeço depois da quinta temporada é que pra mim,foi o maior desgosto.
    Ela questionar como um fã da série podia achar legal o Sam sendo torturado por toda eternidade enquanto o Dean brincava de casinha(não gosto de me lembrar dessa época)era tudo que eu como fã queria ler.
    Vou parando por aqui,beijos pra todos.

  7. Lani

    Gostei de quase tudo. Principalmente a parte em q eles são presos… adoro isso, me lembra as primeiras temporadas, que nostalgia… ameeei! se souberem trabalhar bem, essa historia do filho do tio Lu ( Ainda não acostumei chamar outro ator sem ser o nosso querido Mark P. de Tio Lu, esse título é e sempre será do Mark, mas vou tentando.Rss) vai render um bom plot.

    P.S.: também gostei mais desse ator interpretando o lucifer do que do Rick. Me lembrou mto da forma q o Mark fazia, sem ser forçado como o do Misha. Bateu até saudade dele, como sempre.haha.. ai ai

    Nossa! Já falei demais, nem percebi. Desculpa meu povo.rss

    Boas festas! Carry On, hunters!

  8. Lud

    Miga, depois desse resumo tenho que ver de novo!
    boiei, acho que assisti meio no impulso…
    by the way, boa análise!

  9. Ana Celia Gomes pedroso

    Gostei muito pouco desse episódio e espero que haja mais cuidado quando abordarem algo já existente nos episódios passados. Por que Lúcifer teve que ficar com os olhos vermelhos justamente agora? E aquele “ovo da Fênix”,por que não falaram mais sobre ele, como funcionava? Depois de tanta peleja, daquelas encrencas das primeiras temporadas, por que, somente agora os “ britânicos homens das letras” aparecem com um armamento tão pesado e tão sofisticado? E esse ovinho dourado teria ajudado bem os irmãos Winchester prender Lúcifer lá na quinta temporada.
    Quando os meninos foram presos, será que os “britânicos homens das letras” estão envolvidos em suas prisões?

  10. Hugo

    Como sempre os roteiristas estão estragando tudo.Lembra da Jane?? Aquela nephilim que castiel matou na temporada 8? Pois então ela não era tão podereosa assim….Porque eles estão preucupados com um nephilim visto que claramente eles tem apenas metade do poder de um anjo? Castiel matou Jane com bastante facilidade.

  11. Hugo

    Como sempre os roteiristas estão estragando tudo.Lembra da Jane?? Aquela nephilim que castiel matou na temporada 8? Pois então ela não era tão podereosa assim….Porque eles estão preucupados com um nephilim visto que claramente eles tem apenas metade do poder de um anjo? Castiel matou Jane com bastante facilidade.E outra sério que Rowena colocou Lúcifer na jaula Asssim tão fácil…. aff me poupe

Leave a Comment