[Spoiler] Sobre o retorno de Supernatural

Olá, hunters! Finalmente, este dia que parece que levou décadas pra chegar, chegou! Supernatural retorna HOJE, 26/01, às 23h (horário de Brasília/verão), para o seu 250º (não sei falar esse número hahaha) episódio! Confiram matéria da EW com Adrew Dabb contando o que podemos esperar para este episódio e os que virão por aí!

C3H6PwrVMAArecv.jpg large

Ao longo de seus 249 episódios, Supernatural já levou Sam e Dean literalmente para o inferno enquanto eles tentavam salvar o mundo de criaturas sombrias. Porém, quando retornar nesta quinta-feira, os garotos – que foram presos por tentativa de assassinato do presidente dos Estados Unidos – se verão num novo tipo de inferno: uma prisão de segurança máxima do governo.

“De certa forma, eles estão em uma versão bem verossímil de inferno”. Andrew Dabb diz à EW que esta, em particular, será mais séria do que as últimas prisões dos irmãos, porque “eles estão sendo tratados como terroristas. Estão presos na nossa versão de Guantanamo, um local obscuro. Não tem visita. Não tem refeitório. Tem só a solitária”.

No retorno de hoje descobriremos que Sam e Dean já estão presos há seis semanas, o que é um longo tempo para eles estarem longe da ação. “Acho que o que mais queremos abordar neste episódio é que os Winchesters começaram como dois caras num carro, dirigindo por aí, matando fantasmas e vampiros, e eles evoluíram de tal modo a fazer parte do eixo em torno do qual o destino do mundo gira”, diz Dabb. Vamos descobrir que há coisas que Sam e Dean poderiam ter evitado, mas não evitaram, no que concerne aos monstros”.

A ausência dos irmãos gera uma brecha que os Homens das Letras Britânicos ficarão muito felizes por preencher. “Quando Sam e Dean voltarem depois desse tempo, estarão voltando para um mundo… ele não mudou completamente, mas estará bem diferente do que eles se lembravam”. Isso levará os irmãos a ter mais interações com os HdLs britânicos, o que acabará atrapalhando o conceito que têm deles. Sim, há muito conflito, mas os meninos também vão perceber que existem algumas coisas em comum, já que ambos têm o mesmo objetivo, que é manter as pessoas em segurança. As diferenças entre eles são os métodos.

“A pergunta para os Winchesters nessa temporada – e que os HdLs britânicos vão enfatizar muito – é até que ponto os fins justificam os meios? Ao se ver de volta nesse conflito, os irmãos certamente verão o lado negativo dos HdLs, o que, de fato, é só o que eles viram até agora, mas eles verão que esses caras realmente têm consciência do que estão fazendo e que estão tomando atitudes aceitáveis.

Justiça seja feita, Sam e Dean já debateram essa questão dos fins justificarem (ou não) os meios em outras temporadas, mas desta vez será diferente, não apenas porque agora eles estão do mesmo lado, mas porque sua experiência ao longo das últimas 11 temporadas mostrou que nem todos os monstros são maus. Por exemplo, os irmãos vivem trabalhando com Crowley, o rei do inferno; e um dos seus melhores amigos, Garth, é um lobisomem. Se fosse com os HdLs, eles matariam Garth unicamente por esse motivo.

“Sam e Dean estão no que, na concepção dos HdLs, que são bem dogmáticos, é uma espécie de “em cima do muro” da moral”, diz Dabb, acrescentando que isso vai se tornar um problema quando os garotos voltarem a atenção para o nefilim, o filho de Lúcifer que cresce na barriga de Kelly. “Sim, é o filho de Lúcifer. Mas isso significa que ele nascerá mau? Significa que a criança poderia vir a se tornar uma força para o bem porque é poderosa, porque um dia Lúcifer foi bom? Não se trata do bebê de Rosemary aqui. Não se trata de alguém que vai dar à luz uma coisa coisa que é malvada por completo. Acho que a questão aqui, na verdade, é o que Sam e Dean farão se conseguirem pegá-la. Se você só vê “preto no branco” isso pode ser algo ruim, e você lida com isso. Se for um pouquinho mais moralmente sofisticado como nossos garotos, isso levanta muito mais questões”.

Fonte: EW.

Foto: Robbie Thompson, via Twitter.

 

Salvar

Salvar

Related posts

2 thoughts on “[Spoiler] Sobre o retorno de Supernatural

  1. […] da EW (tradução aqui), o site Mashable postou hoje uma entrevista em que Andrew Dabb fala, além das implicações da […]

  2. Lani

    CA-RA-CA!!!!! To SUPER ansiosa..

Leave a Comment